960

Shameless 7×07: um episódio recheado de romance

À medida que os protagonistas de Shameless lidam com as consequências das suas ações, esta semana tiveram direito a uma boa dose de romance nas suas vidas. O novo episódio, intitulado You’ll Never Ever Get a Chicken in Your Whole Entire Life, estreou no canal Showtime no dia 13 de novembro.

Oficialmente expulso do seu abrigo, Frank (William H. Macy) tem agora uma nova missão em mãos. O seu filho mais novo, Liam, depara-se com o primeiro dia de escola primária, até dar de caras com uma escola fechada, já que as crianças foram maioritariamente transferidas para uma escola privada.

Frank começa uma demanda para mostrar que escolas privadas são apenas uma demonstração de segregação no século XXI, tornando as vidas dos meninos ricos num inferno. A diretora da dita escola, contudo, oferece-se para pagar os estudos de Liam, já que ela própria sentiu descriminação na pele quando era criança. Ver um dos Gallaghers num ambiente de luxo será certamente uma viagem engraçada.640

Fiona (Emmy Rossum) começa a aperceber-se das dificuldades de gerir um negócio quando a sua recém-adquirida lavandaria começa a mostrar todo o tipo de problemas, nomeadamente fugas de gás e máquinas avariadas. Já que Etta (June Squibb) está cada vez mais senil, Fiona sente-se completamente sozinha nesta aventura.

Por momentos, a protagonista tenta recuperar o seu cheque e abandonar o barco mas, no final do episódio, ela regressa à lavandaria com uma nova garra e decide que não vai desistir facilmente. Digam o que disserem, a determinação de Fiona nesta temporada tem sido invejável e eu mal posso esperar por ver o seu sucesso a dar frutos.

Lip (Jeremy Allen White) conhece pela primeira vez o pai do filho de Sierra (Ruby Modine), um toxicodependente de nome Charlie que está em recuperação. Lip e Sierra têm a noite das suas vidas, divertindo-se num salão de jogos e partilhando pormenores acerca das suas vidas pessoais, até que Sierra recebe a tão temida chamada.

Aparentemente, Charlie esqueceu-se do filho algures e deixou a criança sozinha. Lip e Sierra interrompem o encontro e resolvem a situação, fazendo com que ambos se aproximem ainda mais. Não sei se Lip tem estofo para assumir o papel de padrasto mas Sierra parece ser cada vez mais um bom partido para o rapaz.640-1

Ian (Cameron Monaghan) decide avançar para terreno sexual com Trevor (Elliot Fletcher) e a dupla decide comprar brinquedos de modo a experimentar sexo anal pela primeira vez – já que são ambos ativos. A situação parece correr às mil maravilhas e eu não poderia estar mais feliz por ver Ian a baixar as suas barreiras e abraçar completamente o seu amor por uma pessoa transgénera.

Debbie (Emma Kenney) continua a impressionar-me com as suas más decisões, decidindo esta semana desistir oficialmente da escola e casar-se com Neil (Zack Pearlman). Contudo, a jovem consegue passar no seu G.E.D – o exame americano que lhe dá equivalência ao ensino secundário – e aventura-se até em aulas de cuidados infantis, de modo a evitar que a sua filha seja levada pela segurança social.

De certa forma, eu nunca imaginei um futuro académico para Debbie mas custa-me ver que é uma gravidez na adolescência que a está a levar por decisões precipitadas. Ainda assim, ela e Neil admitem realmente gostar um do outro durante o duche, um momento que eu não esperava que chegasse tão cedo mas que parece ter sido feito com sinceridade. Mais vale habituar-me a esta relação porque veio para ficar.640-2

Kevin (Steve Howey), Veronica (Shanola Hampton) e Svetlana (Isidora Goreshter) começam a conjurar um plano para se livrarem de Yvon (Pasha Lychnikoff), até que Svetlana decide tomar medidas pelas suas próprias mãos e aparece no Álibi coberta em sangue, dizendo que Yvon já não será um problema para ninguém.

Ficamos sem perceber se Svetlana matou o ex-pai/agora-marido e a falta de respostas parece também incomodar V e Kev, sobretudo este último, que decide mudar-se para o sofá da sala. Será esta a grande questão que irá quebrar a relação a três? Espero sinceramente que não mas tudo indica que sim.

Debbie continua a ser a minha pedra no sapato, mas as restantes personagens mantiveram-se fiéis a si mesmas: Fiona está uma autêntica leoa imparável, Frank continua a lutar pelos direitos dos mais pobres, Ian abraça cada vez mais as maravilhas da comunidade LGBTQ. Com todos os amores e alguns desamores desta semana, o futuro parece brilhante para todos os membros de Shameless.

NOTA: 9/10

Mais Artigos
Festival da Canção 2020 Elisa e Marta Carvalho
Festival da Canção 2021. Final acontece em estúdio sem público