American Horror Story

American Horror Story 6×07: está aberta a luta para sobreviver

O pesadelo no universo de Roanoke continua, à medida que os protagonistas de American Horror Story são eliminados um por um. Esta temporada não está para brincadeiras, já que esta semana assistimos a três grandes mortes. O sétimo episódio desta sexta instalação da série estreou no canal FX no dia 26 de outubro.

Começamos com Sidney (Cheyenne Jackson), que está na sua carrinha de produção a assistir a toda a loucura dentro da casa através das suas 75 câmaras. Ele e o resto do grupo são rapidamente assassinados pela Carniceira – ou Agnes (Kathy Bates) mascarada de Carniceira -, deixando os residentes da casa sem qualquer apoio. Eu pensava que Sidney seria o primeiro a morrer, mas, ainda assim, conseguiu durar mais do que um episódio.

Por falar em Agnes, ela continua na sua realidade distorcida, reencarnando a Carniceira de noite e dia e ameaçando os restantes protagonistas de morte com o pretexto de proteger a sua terra. Numa só temporada, Kathy Bates interpretou a Carniceira, depois Agnes e agora uma Agnes mascarada de Carniceira e completamente desvairada. Se isto não é uma atuação digna de um Emmy, então não sei o que será.640

A primeira ameaça cai sobre Shelby (Lily Rabe), quando esta é atacada por Agnes dentro da casa. Contudo, Dominic (Cuba Gooding Jr.) aparece mesmo a tempo de a salvar – e ainda bem, porque eu não estou preparado para me despedir de Lily Rabe tão cedo.

Como se isto não fosse suficiente, Shelby continua envolvida no seu triângulo amoroso, tentando reatar a sua relação com Matt (Andre Holland), mas estando constantemente assombrada com a presença de Dominic. Por falar nisso, Cuba Gooding Jr. também é um exemplo perfeito de um ator marcado pelo versatilidade, já que nos primeiros episódios interpretou um Matt carinhoso e responsável e agora dá vida a Dominic, um garanhão que parece preocupar-se com pouco mais do que si mesmo.

A meio da noite, o verdadeiro Matt é mais uma vez atraído até à cave por Scathach – a Ninfa da Floresta inicialmente interpretada por Lady Gaga, agora com um rosto desconhecido. Matt é apanhado em flagrante e diz estar apaixonado pela bruxa, tendo sido ela o pretexto para ele voltar à casa. Shelby, ao ouvir isto, tem um ataque de raiva altamente inesperado e mata Matt com um pé de cabra. Lá se vão as hipóteses de reconciliar o casamento, hein?640-2

Há rumores de que a nova atriz a interpretar Scathach pode ser Taissa Farmiga, que tem estado longe da série há três anos. Contudo, a questão que se impõe neste momento é: se os protagonistas originais já tinham estado na casa – incluindo os verdadeiros Matt e Shelby -, porque razão colocariam a hipótese de voltar? Tentar remediar uma relação sobrepõe-se ao perigo de vida que eles já haviam conhecido?

As restantes mulheres da casa – Lee (Adina Porter), Audrey (Sarah Paulson) e Money (Angela Bessett) -, ao aperceberem-se da falta de rede nos telefones e da ausência de ambulâncias, decidem procurar ajuda, sempre com os seus telemóveis ligados e prontos a filmar o que quer que aconteça.

O grupo decide ir pelo túnel secreto da casa, dando de caras com o que parece ser o verdadeiro fantasma de Edward Mott – rumores dizem que isto pode significar o regresso de Matt Bomer à série.

Mais adiante, deparam-se novamente com Agnes e as suas facas de Carniceira, mas Lee é uma mulher prevenida e parece ter trazido uma arma consigo, usando-a para balear Agnes. O pior é que isto é apenas o início do pesadelo para as três aventureiras.640-1

No meio da floresta, a equipa encontra o corpo de Rory (Evan Peters) e Audrey passa o resto do episódio lavada em lágrimas, ainda com o seu péssimo sotaque britânico. Como todas as ameaças da casa parecem ser efetivamente reais, entram em cena os campesinos canibais, liderados pela Mama Polk – agora interpretada por Robin Weigert -, como conhecemos no quinto episódio.

O grupo tortura as três protagonistas e corta um pedaço da perna de Lee, dando a alimentar a sua carne a Audrey e Monet. De volta à casa, descobrimos que Agnes sobreviveu ao tiro e está novamente pronta a atacar. Contudo, o feitiço vira-se contra o feiticeiro, quando os verdadeiros fantasmas da tribo Roanoke aparecem e a verdadeira Carniceira assassina Agnes, cortando a sua cabeça em duas metades.

Esta temporada de American Horror Story tem elevado a fasquia a cada episódio, à medida que assistimos a mortes cada vez mais perturbadores e nos apercebemos de que todos os pesadelos de Roanoke não são apenas reais, mas também mais perigosos do que julgávamos.

Esta semana despedimo-nos de três membros do elenco principal e, com a corrida para sobreviver oficialmente aberta, restam três episódios para descobrir quem será o grande sortudo ou sortuda que estará vivo no final da temporada.

NOTA: 9/10