img_464x6202016_08_11_10_34_29_297750

Amadeo de Souza-Cardoso adaptado a… malas.

Amadeo de Souza Cardoso foi um dos primeiros modernistas portugueses e um dos maiores impulsionadores do movimento em Portugal. Na preparação do centenário da sua morte (em 2018) e no rescaldo da exposição das suas obras no Grand Palais de Paris, os seus quadros serão adaptados a uma coleção de malas e bolsas.

A coleção-cápsula será composta por oito carteiras da autoria da empresa portuguesa âme moi. O “ok” final foi dado pela sobrinha-neta do pintor, Isabel Rebello Andrade. O nome, claro, não foi deixado ao acaso.

Chiado por Lucie remete para uma das grandes paixões do artista e uma das suas maiores musas. Lucie Pecceto era uma jovem da nobreza italiana pela qual o artista se apaixonou enquanto viveu em Paris.

Podes ver em baixo a coleção que já foi lançada. Por vir ficam seis carteiras. Lembramos que é uma edição limitada e que cada mala vai ter apenas 30 exemplares.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Amar Pelos Dois
‘Amar Pelos Dois’ também entra nas nomeações aos Grammys 2021