A estreia da sexta edição do reality-show Secret Story ficou bem abaixo das galas inaugurais das edições anteriores, mas mesmo assim conseguiu ser o programa mais visto deste domingo.

A primeira gala de Secret Story 6: Casa dos Segredos registou 12,5% de audiência média e 29,7% de share, tendo sido vista por 1,208 milhões de espectadores. Em 2014, a quinta edição do reality-show registou 16,3% / 38,7% na estreia, o que já então tinha sido o pior arranque de uma edição da Casa dos Segredos.

Este domingo, o programa apresentado por Teresa Guilherme liderou durante quase toda a sua exibição, cedendo a liderança para o The Voice Portugal apenas durante o intervalo e o início da segunda parte, entre as 22h41 e as 23h09.

O talent show da estação pública registou uma média de 11,1% de audiência e 23,8% de share, o correspondente a 1,073 milhões de espectadores. A SIC ficou-se pelo terceiro lugar assim que terminou o Jornal da Noite. Smile registou 8,5% / 17,8%, e o episódio de Rainha das Flores marcou apenas 6,9% / 15,8%. Liberdade, Liberdade fechou o horário nobre da SIC com 4,6% / 16,0% – um novo mínimo de share para a novela brasileira, que não aguentou o embate com a parte final de Secret Story 6.

top-11-setembro

Secret Story preferido por mulheres e jovens

A análise da composição da audiência do reality show da TVI revela que o público feminino e mais jovem continua a ser aquele em que este tipo de programas tem maior afinidade.

A faixa entre os 15 e os 24 anos foi aquela em que a estreia da Casa dos Segredos 6 registou maior quota de mercado: 43,8%, com uma audiência média de 13,7 pontos. Foi o programa mais visto do dia nesta faixa, com mais do dobro da audiência do segundo classificado, o Jornal das 8 da TVI (6,4% / 25,9%).

A diferença entre homens e mulheres também é significativa: o público feminino foi responsável por cerca de 66% da audiência do Secret Story. O programa registou 15,7% de audiência e 35,3% de share entre as mulheres, enquanto nos homens se ficou pelos 8,9% / 22,8%.

No público comercial (classes A/B/C entre os 25 e os 54 anos), o mais procurado pelos anunciantes, Secret Story 6 ficou-se pelos 8,1% de audiência e 18,8% de share, perdendo sempre para The Voice Portugal (10,7% / 23,4%). O reality da estação de Queluz só liderou nesta camada do público após o fim do programa de Catarina Furtado e Vasco Palmeirim.

curva-11-setembro

Num dia em que a TVI apostava tudo no regresso do seu mais emblemático reality show, liderou confortavelmente com 22,3% de share, seguida pela SIC com 16,4%, a RTP1 com 12,3% e a RTP2 com 2,0%.

Outros destaques do dia

  • O Hollywood foi o canal de cabo mais visto deste domingo, com 2,7% de share, seguido pela CMTV e pela SIC Notícias, ambas com 2,0% de share, e pelo Panda, que marcou 1,9%.
  • A estreia de Portugal no Campeonato do Mundo de Futsal realizou-se na noite de sábado para domingo. O jogo com a Colômbia, a seleção anfitriã, foi transmitido pela RTP1 e registou 1,2% de audiência e 14,4% de share na parte transmitida a partir das 02h30.
  • A transmissão de atletismo dos Jogos Paralímpicos Rio 2016 conseguiu novo máximo na RTP2: 1,3% de audiência e 4,4% de share. Foi o programa mais visto do segundo canal, e chegou a aproximar-se de Sociedade Recreativa da RTP1 (2,2% / 7,4%).
  • O cinema continua a não ter bons resultados nas tardes de domingo da RTP1. A Sessão da Tarde II, que exibiu o filme X-Men, registou a pior audiência e share do ano: 1,9% / 6,1%.
Dados de audiência da Gfk Portugal para a CAEM. Valores Total Dia (Live+VOSDAL) correspondentes a 11 de setembro de 2016.