Muito à moda de Pretty Little Liars, o novo episódio desta sétima temporada foi altamente monótono, mas, ainda assim, com os seus pontos altos, nomeadamente o regresso de duas caras conhecidas. Along Comes Mary estreou no canal Freeform no dia 19 de julho. Em Portugal, a série Pequenas Mentirosas é exibida no AXN White.

Alison (Sasha Pieterse) está de volta a casa e sob os cuidados de Mary Drake (Andrea Parker), a sua querida tia que continua com motivos questionáveis. Alison bombardeia-a acerca das suas intenções e Mary diz que nunca estivera completamente a par dos planos de Rollins (Huw Collins) – ou Archer ou qualquer que seja o seu nome – e, pelos vistos, foi um peão no seu jogo.

Como se isto não bastasse, Alison descobre que, antes de desaparecer, Rollins roubou todo o seu dinheiro, incluindo poupanças. A situação já está má o suficiente e a jovem devia ter dois dedos de testa para se livrar da tia o mais rapidamente possível.

As pessoas parecem esquecer-se que Mary é uma DiLaurentis, a mãe de Charlotte (Vanessa Ray), que apareceu em Rosewood numa altura conveniente e por razões inexplicáveis. Confiar nela é mais um dos erros típicos deste elenco.Pretty Little Liars

Enquanto isso, Emily (Shay Mitchell) continua o seu relacionamento com Sabrina (Lulu Brud), perdendo o seu exame de admissão à universidade. Mas não desesperem! O vilão A.D. interferiu com os resultados e Emily foi admitida com uma pontuação de 92%. Resta saber por que razão o vilão iria querer ajudar a rapariga e se, algum dia, pedirá alguma coisa em troca.

O único casal a sério da temporada, Aria (Lucy Hale) e Ezra (Ian Harding), parece estar no caminho certo, até Aria ver que Ezra recebe no seu telemóvel uma chamada de Nicole – sim, a sua ex-namorada que aparentemente morrera há meses.

Aria ignora o sucedido e decide não contar a Ezra. Mas o que é que isto significa? Nicole está viva? Todos sabemos que em Pretty Little Liars ninguém fica morto durante muito tempo, o que significa que Nicole ainda pode dar o ar da sua graça e causar complicações.

As protagonistas descobrem que, para além de um telemóvel descartável, Rollins possuía também um apartamento em seu nome, o qual Emily e Aria decidem rapidamente investigar.

Para além de passaportes, agendas e bilhetes de avião, a descoberta mais importante é um conjunto de fotografias do detetive Wilden, revelando que Rollins, de fato, mascarara-se do mesmo.

Ainda assim, apontar agora algo que já sabíamos há algum tempo, pode parecer suspeito. Será que há mais alguém a fingir ser Wilden? Poderá o detetive ter ainda um papel relevante na história?Pretty Little Liars

Queria evitar esta parte do episódio, mas não é possível: Sara Harvey (Dre Davis) está de volta e rapidamente forja uma amizade com Jenna (Tammin Sursok) – amizade essa que elas não fazem a mínima questão de esconder.

A situação piora quando as duas se juntam a mais uma cara conhecida: Noel Kahn (Brant Daugherty). Já nem me lembro da última vez que pusemos os olhos em Noel e isto até poderia ser um fator interessante, mas este trio é a pior junção que eu alguma vez vi na minha vida. Pensei que os criadores haviam aprendido a lição e dito adeus a Sara de uma vez por todas.

No final do episódio, Alison recebe uma encomenda de A.D.: o seu casaco vermelho que fora entregue como prova incriminatória. Se a jovem já tinha todos os motivos do mundo para estar magoada com as amigos, então agora a situação parece ficar negra.

Mas nem tudo são más notícias! Ezra derrete os nossos corações e ajoelha-se para pedir Aria em casamento. Finalmente! Claro que isto é Pretty Little Liars e o episódio termina antes sequer de obtermos uma resposta ao pedido.

Depois da montanha russa emocional dos episódios passados, Spencer (Troian Bellisario) e Hanna (Ashley Benson) ficaram na sombra da bananeira esta semana. E assim o mereceram! Elas têm, definitivamente, sido o destaque desta temporada e têm direito a uma pausa.

Enquanto eu aplaudo o tempo de antena dado a Alison e este tão aguardado noivado, apenas rezo para que Jenna/Sara/Noel façam o que têm a fazer rapidamente e desapareçam do mapa. Eu percebo que precisamos de personagens suspeitas para agitar as coisas, mas foram buscar o pior tesouro escondido no fundo do baú.

NOTA: 6/10