Loveable, da Companhia Plataforma285, estará em palco de 24 a 28 de junho, na Culturgest. Uma história sobre as decisões macro-político-económico-socio-ambientais com que os habitantes do mundo contemporâneo se têm de confrontar mas das quais se sentem à margem.

A oitava criação da Plataforma285 surgiu na sequência de um ciclo de projetos que esmifram a banalidade da realidade, que questionam o seu lugar na contemporaneidade e o papel da arte, assim como os seus propósitos. Segundo comunicado enviado à imprensa, Loveable aborda o descrédito do nosso lugar como cidadãos de realidades democráticas que parecem ter levado as sociedades a decidir não decidir, “a viver a “tranquilidade” de um mundo que se quer pós-político: a abstenção ganha eleições, os países endividam-se e os poderes mantêm-se”.

“Somos uma sociedade cosmopolita, aceitamos as nossas limitações no potencial ilimitado de ter um smartphone no bolso, de poder descansar as nossas preocupações na mediocridade dos reality-shows – e sentimo-nos tão descansados ao descobrir outros mais idiotas que nós”

Este espetáculo propõe, então, que seja o espetador o inteiro responsável pelo seu decurso, regendo-se a situação através de simples regras democráticas. Ao entrar na sala, cada elemento da audiência receberá uma lanterna e, depois disso, terá de localizar as câmaras que estão no teto, à frente do palco, e ter em atenção apenas a duas instruções: “Sempre que quiser passar uma cena à frente, ligue e aponte a lanterna para cima, em direção às câmaras; mantenha a lanterna ligada nessa posição até que a cena termine.” 

As cenas terminam quando a votação atingir os 51% e, entretanto, os intérpretes e músicos disputam por tempo de antena. O público pode, caso prefira, decidir mesmo o seu não-início. A co-criação e interpretação está a cargo de Cecília HenriquesIsabelle CoelhoPaulo Sá Nogueiro Paulo Lages. Existe ainda a participação da cantora/artista Filipa Ferreira e o youtuber KikoisHot.

Loveable estará em palco de 24 a 28 de junho, às 21h30 (nos domingos às 17h), no Pequeno Auditório da Culturgest. O preço dos bilhetes é 12 euros (ou 5 euros para jovens até aos 30 anos e desempregados).