IMG_3402

‘Glory Pizzeria’ e as abençoadas pizzas de massa fina

O Glory Pizzeria, o novo restaurante do Turim Restauradores Hotel, inaugurou ontem, dia 16 de junho. As pizzas de massa fina são, sem sombra de dúvida, o ex-libris, mas no mês dos santos populares nada mais adequado que a bruschetta de sardinha, disponível até ao final do verão.

Um hotel renovado e Glory Pizzeria, um novo espaço de restauração

No início do ano, o Turim Suisso Atlântico passou a Turim Restauradores, mas não foi só o nome a mudar. O hotel da Rua da Glória sofreu uma requalificação e, apesar de manter a fachada original, os espaços interiores foram totalmente renovados. Nesse âmbito surgiu o Glory Pizzeria, o novo restaurante de comida italiana.

A entrada pode fazer-se diretamente da rua, sem ter de se passar pela receção. Conceito presente já em outros hotéis do Grupo Turim, que pretende abrir os seus restaurantes quer a hóspedes quer a turistas ou residentes em Lisboa.

Com capacidade para 32 pessoas, apresenta quer mesas para grupos quer para quatro ou só duas. Alguns dos tampos foram decorados com azulejos portugueses hidráulicos, assim como a parede forrada à volta do forno. A vista para a rua não é privilegiada, mas o interior é tão bonito e a comida promete tanto quanto dá que ninguém vai querer tirar os olhos do prato.

Bruschetta de Sardinha ou Pizzas de massa fina e estaladiça: os dois, por favor

Para começar recomenda-se a Bruschetta de Sardinha (5€), com lombo de sardinha, tomate, rúcula e cebola, criada em alusão aos Santos Populares e disponível só até ao final do verão. Para fãs de presunto, a Bruschetta Serrana ou Napoli. Para acompanhar e refrescar, a limonada ou a sangria de framboesa. Para fãs de chás, neste caso frios, o verde com limão, canela e hortelã – com a ressalva de que é bastante doce.

Não existe menu executivo, mas durante os próximos meses é possível escolher, aos almoços de segunda a sexta, o Summer Menu, que inclui uma pizza, uma bebida e uma sobremesa por apenas 15€. As pizzas de massa fina e estaladiça são efetivamente o destaque da ementa, com 12 variedades. Com 30 centímetros, são preparadas em forno a gás, à vista dos clientes, e demoram até cinco minutos a fazer.

Destaca-se a Gamberi (13€), com mozzarella, espinafres, camarão e orégãos, e a Capricciosa (12€), com cogumelos, fiambre, ovo, azeite de alho e orégãos. Para uma explosão de sabores, recomenda-se a Michel (13€), com pepperoni, bolonhesa, cogumelos, pimento, cebola, azeitonas e orégãos. A Carpaccio é outra opção a ter em conta. Os preços encontram-se entre os 9,50€ e os 15€.

A carta apresenta ainda a opção de saladas, alguns pratos de carne e peixe, massas e risotos. Para adoçar, a mousse de chocolate (4€) é a melhor opção. Sem ovos, decorada com amêndoa caramelizada, é cremosa, suave e servida na dose certa para não enjoar. O tiramisú só peca pelo excesso de cacau em pó.

Em breve, o Turim Restauradores Hotel, de três estrelas, receberá também um novo espaço de bar. O Glory Pizzeria encontra-se aberto de segunda a sexta, do 12h às 15h e das 19h às 23h, e sábados e domingos, das 19h às 23h.

Mais Artigos
Angelina Jolie. 45 anos da atriz, mãe e ativista humanitária