4a2bc3e2-58cb-4a7a-9402-58f39961fc84
Fonte: Porto Editora

Feira do Livro de Lisboa: o guia para não perderes pitada

A 86.ª edição da Feira do Livro de Lisboa arranca esta quinta-feira, dia 26 de maio, e decorre até 13 de junho, no Parque Eduardo VII. Este ano existem algumas novidades como um número recorde de pavilhões, novos conceitos de restauração e a Biblioteca dos Bens Doados. O Espalha-Factos elaborou um guia obrigatório para não perderes pitada.

Planeia

Entre conferências, conversas com escritores, sessões de autógrafos e oportunidades comerciais, é fácil perder o fio à meada, sobretudo porque este ano existem 277 pavilhões, que representam 600 editoras/chancelas. Uma pequena leitura de antemão de críticas a livros ou autores ou apenas a recomendação de um amigo pode ser útil perante tanta oferta.

Espalha-Factos sugere que aproveites a ajuda da aplicação móvel para Android iOS ou do mapa disponível para download no site oficial para planeares a(s) tua(s) visita(s) e garantires que consegues desfrutar ao máximo do evento.

Feira do Livro de Lisboa abre no dia 26, às 11h, e decorrerá a partir do meio-dia uma parada de mascotes com a Mimo’s Dixie Band, que promete um espetáculo deambulante de jazz dixieland e momentos cómicos e circenses. Contudo, a cerimónia de abertura desta 86.ª edição está marcada para as 15h, na Entrada Sul.

A não perder

A Hora H começou há poucos anos e continua a ser um sucesso. A partir de dia 30, de 2.ª a 5.ª, entre as 22h e as 23h, será possível adquirir, nos pavilhões dos editores participantes, livros (que foram editados há mais de 18 meses) com 50% de desconto (ou até 70% na Porto Editora). O melhor será fazer uma lista para não perder tempo.

Outra novidade é a projeção do filme Manhã Submersa, numa parceria com a Cinemateca, que pretende celebrar o 100.º aniversário de Virgílio Ferreira. A sessão será antecedida por um debate entre o realizador Lauro António e a escritora Lídia Jorge, no dia três de junho, às 21h, no Auditório.

Entre as muitas sessões de autógrafos, destacam-se alguns bestsellers. O Espalha-Factos sugere os portugueses António Lobo Antunes (28/05 e 04/06, às 16h) e Gonçalo M. Tavares (29/05, às 17h), na Leya, e Mário de Carvalho (29/05 e 04/06, às 15h30), no Grupo Porto Editora; e os angolanos José Eduardo Agualusa (26, 28 e 29 de maio, às 16h), no Grupo Porto Editora, e Ondjaki (5, 10, 11 e 13 de junho, às 17h), na Leya.

Para miúdos

A 27 e 28 de maio,  3, 4, 9, 10, 11 e 12 de Junho, a iniciativa Acampar com Histórias, dirigido a miúdos entre os oito e os dez anos, promete a possibilidade de, por apenas 10 euros, acampar na Estufa Fria e passar uma noite dentro da feira, na companhia de escritores, ilustradores e contadores de histórias.

No dia 28 de maio, às 15h, Nuno Meireles orientará um Workshop de escrita criativa, no pavilhão INCM, para crianças dos oito aos 14 anos, tendo como ponto de partida o livro Fernando Pessoa, O menino que era muitos poetas, recomendado pelo Plano Nacional de Leitura.

No dia 29, o Sr. Valery e o Senhor Juarroz vivem no mesmo bairro mas nunca se encontraram, de Gonçalo M. Tavares, sobe a palco pelo TJ 13/17 Grupo de Teatro Jovem, no pavilhão Leya.

No dia um de junho, às 17h, a Zona Infantil, das Ideias com História, apresentará um ateliê de jogos pedagógicos de tabuleiro quer sobre histórias infantis quer sobre a importância de uma alimentação saudável.

fll
Foto: Divulgação

Para graúdos

No dia 26, o lançamento de Tresmalhados, a primeira áudio-peça de teatro rural jamais exibida em Portugal e no estrangeiro, está marcado para às 18h, na Praça Azul, com a presença da editora BOCA – Palavras que alimentam e a autora Maria Morais.

No dia 28, a autora Suzana Mendes fará, às 17h, uma breve introdução ao mundo do Feng Shui através da apresentação do seu livro Vivemos em Palácios, um guia acessível que explica, de forma simples, como aplicar os princípios essenciais.

No dia 12 de junho, decorre no pavilhão da Tinta-da-China, às 18h, um debate sobre liberdade de expressão com Ricardo Araújo Pereira, Fernanda Câncio e Daniel Oliveira.

No dia 13, Mafalda Perfeito orientará um workshop de HairStyling a partir do seu Guia Para um Cabelo Perfeito, com chancela Manuscrito.

 Gastronomia

Feira do Livro de Lisboa contará com 40 espaços de restauração, 10 em estreia, como o Piadina’s, Wine and Co., a Maria Tenra com pastéis gourmet e a The Cru com comida biológica. Recomendamos ainda o vinho do Porto Tágide, os batidos de fruta da Frua e os brigadeiros da Brigadoce.

Por outro lado, realizar-se-ão vários showcookings workshops de cozinha. O Espalha-Factos sugere algumas atividades como os showcookings de Rita Nascimento sobre sobremesas (29/5, às 15h, no Espaço Show Cooking), de David Frenkiel Luise Vindhal sobre Green Kitchen – Vegetariano todos os dias (29/5, às 19h, na Leya) e de Lillian Barros sobre sopas, saladas e chás detox, a demonstração de Cake Design por Carina Costa (4/6, às 18h, no pavilhão Marcador) e o workshop Pão a Pão, do chef Bader Mardini (4/6, às 18, no Espaço Show Cooking).

De 26 de maio a 13 de junho, a Feira do Livro de Lisboa estará a ocorrer no Parque Eduardo VII. É possível ver o mapa online e saber mais informações através do site oficial aqui.

 

 

Mais Artigos
Regresso ao Futuro SIC
Opinião. ‘Regresso ao Futuro’ é um ótimo retorno ao passado