Poderosas, a primeira experiência da SIC com uma novela portuguesa na ‘segunda linha’ do horário nobre, terminou ontem com um recorde de audiência, mas sem a liderança.

O episódio final registou 11,2% de audiência média e 29,7% de share, valor máximo para os capítulos transmitidos em 2016. Desde setembro esta foi a única vez em que a novela superou a marca dos 10% de rating.

Ainda assim, um valor insuficiente para superar a TVI, que liderou no confronto direto com os últimos minutos de A Única Mulher e um novo episódio de Santa Bárbara. A Quatro registou 11,8% de audiência média e 31,1% de share.

Futebol atropela SIC

A transmissão da final da Taça da Liga, vencida pelo Benfica, foi também um trunfo para o dia da TVI. A partida registou 17,4% de audiência média e 39,9% de share, sendo o programa mais visto desta sexta-feira. Somou ainda 2,5% de audiência média e 5,7% de share na transmissão simultânea que decorreu na TVI24.

Lê mais: ‘O Lobo de Wall Street’ nos 20 anos do canal Hollywood

O jogo contribuiu ainda para empurrar Coração d’Ouro (SIC) para valores bastante abaixo dos habituais – 11,6% de audiência média e 23,7% de share. Coube à nova aposta da SIC, Rainha das Flores, ser o programa mais visto do canal, com 13,2% de audiência média e 28,6% de share. À frente no campeonato de novelas continuou A Única Mulher, com 14,8% de audiência média e 33% de share.

A RTP1 foi também muito prejudicada pela subida da TVI e fica abaixo dos 10% de share pela segunda vez este mês. O canal público registou 9,9% de quota de mercado, com três programas a registarem mínimos anuais: Sexta às 9 (4,6% de audiência média / 9,7% de share), Telejornal (4,7% / 11,4%) e Treze (1,2% / 3,9%). A substituição do líder Preço Certo pela transmissão do Rally de Portugal, que registou 4,7% de audiência média e 15,1% de share, também contribuiu para a descida do canal público.

TVI também lidera no Cabo

Nos totais diários a RTP1 ficou assim em terceiro, superada pela SIC com 17,6% de share e pela TVI com 27,2%. A TVI24, também impulsionada pelo futebol, registou 3,2% de quota de mercado. Seguiram-se CMTV (2,2%), Panda (2%), SIC Radical (1,9%), SIC Notícias (1,9%), RTP2 e Disney Channel (1,7%).

Noutros destaques do dia, a SIC Radical, a SIC Caras e a SIC Mulher transmitiram em simultâneo o concerto dos Queen no Rock in Rio, alcançando uma audiência combinada de 2,3% de rating e 14,1% de share. A estação jovem da SIC voltou a liderar entre os Canais Cabo durante a transmissão deste concerto.

Estes dados de audiência, da responsabilidade da GfK/CAEM, são obtidos através do software E-Telereport e dizem respeito a valores totais do dia 20 de maio. Os valores consolidados só ficarão disponíveis durante a próxima semana.