The Weatherman passou ontem, dia 16, pelo Jardim Zoológico da Maia e brindou os primatas residentes com uma pequena atuação. Calling all monkeys é o single de promoção do álbum Eyeglasses for the Masses, editado em abril, e serviu de mote a este momento musical.

Direcionado para os primatas, o concerto decorreu diante do Habitat 24 onde se encontram os Girão de Mãos Brancas. Ainda a atuação não tinha começado e já se reuniam em redor deste oásis alguns olhares curiosos.

Foi em andamento que começou o Concerto para Macacos. Calling all monkeys foi a música escolhida para iniciar a performance. Numa clara homenagem aos nossos ascendentes, The Weatherman direciona a sua atuação para os mesmos. A Alexandre Monteiro (voz e guitarra) juntaram-se João Almeida (tambor) e Nuno Melo (guitarra).

Já a solo, Alexandre Monteiro liberta-se da guitarra e ocupa o lugar em frente ao teclado. Com um “Sejam bem-vindos ao Concerto para Macacos” acolhe-nos e leva-nos numa viagem por um indie pop muito tranquilo, que se adequa ao ambiente circundante. Ouvem-se as músicas To the Universe e Ice II, que o público acompanha com palmas.

É com entusiasmo e acrobacias que os primatas recebem a homenagem, criando uma atmosfera descontraída e intimista. De sorriso nos lábios, The Weatherman apresenta-nos “o macaco ágil” e apresenta a música que se segue. One of these days é marcada pelo momento de maior cumplicidade entre Alexandre Monteiro e o primata. Segue-se Good dreaming, a última música da tarde.

Fotografia: Hugo Moreira