Dança
quinn.anya via VisualHunt.com / CC BY-SA

Uma playlist para pores a dança em prática

Hoje é Dia Mundial da Dança. Como música e dança andam de mãos dadas, sabemos que uma banda sonora à altura é meio caminho para a homenagem. E há melhor coisa do que uma playlist adequada para festejar este dia?

Luís Pereira
Joy Rides – Mutemath
A banda norte-americana apresentou-nos o ano passado Vitals, de onde é retirado este tema. A vibe alegre faz-nos querer dançar, nem que seja sentaditos no sofá. Pode dizer-se que com Mutemath a vida é uma joy ride – se é que me entendem.


Take My Pain Away – Moullinex
Do melhor da dance music nacional. Moullinex tem vindo a dar provas, não só dentro de portas como também fora delas, que é uma força a ter em atenção. Flora e Elsewhere são dois dos melhores álbuns de sempre dentro do estilo.


Fake It – Thunder & Co.
Outra banda nacional revelação. Nociceptor, o disco de estreia, está repleto de singles ótimos para animar qualquer festa. Fake It está entre as minhas preferidas deste álbum. Ao vivo é ainda melhor.

João Patrício
I Need Your Love – Mirror People
Porque aquilo que é nacional também é bom, nada melhor que dar um ambiente mais 80’s disco ao som dos Mirror People. I Need Your Love é apenas um exemplo retirado de Voyager, um álbum que podia ser incluído da primeira à última faixa nesta lista.


Stay Lost ft. Amber-Simone (Cabu Remix) – Joe Hertz

Num cruzamento chill e eletrónico alternativo, esta nova versão de Stay Lost dá uma excelente música de fundo numa festa, seja apenas para apreciar, seja para abanar um pouco. Ao mesmo tempo que proporciona um ambiente descontraído, dá também um ar divertido.

Lush Life – Zara Larsson
Pegando agora na cena pop, a minha última recomendação vai para Lush Life de Zara Larsson. A sonoridade já dá aquele ar de verão e o ritmo convida a um pezinho de dança, quanto mais que não seja a imitar a cantora no videoclip.


Beatriz Rainha

Love Natural – Crystal Fighters
A banda sonora perfeita para qualquer festa – principalmente sunsets que celebram a vida – Love Natural não deixa ninguém indiferente e exige obrigatoriamente que o pessoal se mexa. Podem sempre contar com os Crystal Fighters para vos animar e fazer felizes, porque they make you feel, feel so special.

Santa Ana – Capitão Fausto
Sim, o novo álbum dos Capitão Fausto rebentou a escala da qualidade, mas eu sou o tipo de pessoa que tem uma obsessão pelos tesourinhos antigos: Santa Ana, do primeiro álbum Gazela, é a canção que me deixa alterada numa hipotética pista de dança (ou, ainda melhor, num hipotético concerto da Capitão Fausto).

Bucky Done Gun – M.I.A
Descobri demasiado tarde que adoro M.I.A. Ainda na onda dos tesourinhos antigos (e este bate qualquer recorde), a música mais groovy de sempre é a Bucky Done Gun, do álbum Arular (2005). É difícil para mim explicar aquilo que só se sente ouvindo, ou neste caso, dançando. Com M.I.A, o movimento nunca é demais.

Para os fãs do Spotify, a playlist com mais escolhas – basta só carregar no play e fazer a festa.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Gamer Sapiens
‘Gamer Sapiens’. A nova série documental que une a História aos videojogos