HTC-10
Imagem: PhoneArena.

HTC apresenta topo-de-gama para 2016

A HTC apresentou ontem, em Londres, um novo topo-de-gama para 2016. O HTC 10 vem fortalecer a oferta de mercado da fabricante taiwanesa. É composto por caraterísticas adequadas ao panorama dos smartphones de topo.

Passada a MWC 2016,HTC  optou por organizar um evento próprio para o lançamento do seu flagship. O novo HTC 10 junta o design dos dois equipamentos principais lançados no ano passado – o M9 e o A9 – com novos contornos metálicos.

Na frente, não estão presentes os altifalantes estéreo comuns nos dispositivos da marca. Ao invés, há um altifalante frontal e um woofer, na zona inferior do telemóvel certificado para áudio de alta resolução. Isto é, as colunas BoomSound separam as baixas das médias/altas frequências.

Além disso, criam-se ainda perfis individuais adaptados à escuta personalizada, nos auriculares, produzidos em parceria com a JBL, capazes de cancelar ruído do exterior.

Imagem: Divulgação.
Imagem: Divulgação.

Hoje em dia, um topo-de-gama precisa de agradar os instagrammers e, por isso, a foram implementados melhoramentos para contrariar as opiniões negativas associadas às câmaras dos produtos da marca.  Com 12 megapíxeis, o sensor destaca-se pela gravação de vídeo em 4K e áudio de 24 bits. Outra novidade reside na câmara frontal que, reside acima do ecrã Quad HD de 5,2 polegadas e, de acordo com a marca, é a pioneira no uso frontal da estabilização ótima de imagem.

Quanto ao software, o HTC 10 vem com menos bloatware, isto é, aplicações repetidas e inúteis. A diminuição do número de aplicações deve-se à parceria e trabalho conjunto com a Google para que não houvesse duas aplicações com a mesma função (dois Calendários, por exemplo). Ainda assim, a skin da HTC corre sobre a sexta versão do Android.

Outras características incluem um processador Snapdragon 820, acompanhado de 4GB de memória RAM, assim como leitor de impressões digitais, memória interna expansível por microSD e bateria de 3000mAh, recarregável através da tecnologia Quick Charge 3.0.

Já disponível em pré-encomenda no site da HTC, o novo HTC 10 chega em preto, prateado e champagne e custa 749 euros.

Mais Artigos
Facebook reforça a sua política contra o discurso de ódio