Imagem: Fogs' Movie Reviews

‘To Kill a Mockingbird’ terá adaptação da Broadway

To Kill a Mockingbird, o clássico da autoria de Harper Lee, terá agora uma adaptação teatral da Broadway por Aaron Sorkin, argumentista vencedor de um Oscar da Academia.

Vencedor de um prémio Pulitzer e aclamado como um dos maiores clássicos da literatura norte-americana, To Kill a Mockingbird retrata a realidade sulista dos EUA nos anos 30, tendo por base a própria infância da autora. Ao retratar e criticar fortemente a desigualdade racial na época da Grande Depressão, tornou-se num ícone para a abordagem de questões raciais e foi sujeita a uma adaptação cinematográfica apenas dois anos após a sua publicação.

Imagem: Universal Pictures

Agora, 55 anos após a sua publicação, o produtor Scott Rudin conseguiu os direitos de adaptação para obra teatral e contratou Aaron Sorkin, vencedor do Oscar de Melhor Argumento Adaptado em 2011, para a escrita do argumento.

O produtor e o argumentista já haviam colaborado em The Social Network (2010), Moneyball (2011) e Steve Jobs (2015), e afirmam estar cientes da responsabilidade que têm para com To Kill a Mockingbird. Ao Independent, Sorkin admitiu, no entanto, que serão necessárias algumas alterações ao diálogo original em determinados momentos-chave da história.

Apesar de ainda não existirem decisões quanto ao elenco, é sabido que o encenador Bartlett Sher, vencedor de um Tony Award em 2008, produzirá a adaptação da Broadway do clássico. Em relação à sua colaboração com o argumentista neste novo trabalho, Sher afirmou ao Independent que considera Sorkin apto para as “muitas questões culturais, políticas e sociais” da obra.

A estreia está prevista para a época 2017/2018 em Nova Iorque.

Mais Artigos
kanye-west
Twitter. Kanye West revelou dado confidencial e foi suspenso temporariamente