American-Dad-Klaus-and-Roger-HD-Wallpaper

Roger, o mestre do disfarce

Se há motivo pelo qual ver American Dad vale a pena, é sem dúvida pelo extraterrestre mais rude de todos os tempos. Da área 51 para a casa da família Smith, Roger veio para dar problemas e desde 2012 que não pára de nos surpreender, mas nem sempre enquanto Roger.

A verdade é que aquilo que torna esta personagem inesquecível são as personas que vai criando e que não se ficam por meros disfarces. Cada uma tem uma personalidade e uma história de vida diferente. Porém, muitas das vezes isto sai fora do seu próprio controle dando origem a alguns dos momentos mais divertidos de American Dad. A propósito deste Carnaval, o  Espalha-Factos relembra algumas das melhores criações desta personagem!

Professor Jordan Edelstein

Roger

Esta persona merece o primeiro destaque porque foi a sua primeira. O professor de ciência política de Harvard criado para que Roger pudesse ir a uma mostra de arte com Francine estava pensado ao pormenor, tanto que Roger fazia referências bastante detalhadas sobre o passsado de Edelstein.

Francine decidiu criar também ela uma persona, e foi aí que nasceu Amanda Lane, a esposa do professor. Os dois entraram tanto na personagem que chegaram a lutar e a chorar pela suposta negligência do filho dos dois, que tal como Amanda e Jordan não era real.

Jenny Fromdabloc

Roger

O nome foi emprestado por Jennifer Lopez, mas tudo o resto era só seu. Foi criada para alegrar Snot e para que este esquecesse a sua paixão platónica, Haley. No entanto, Jenny fez com que Steve fosse afastado do seu grupo de amigos, e quando este descobre que Roger/Jenny usa uma bola anti-stress para fingir ter relações sexuais com Snot, desmarcara-o(a) à frente de todos os amigos e Snot termina a relação.

Ao ver a tristeza do amigo, Steve pede que Jenny Fromdabloc apareça de novo apenas para pedir desculpas pelo seu comportamento e fingir a própria morte dois segundos depois.

Tom Yabo

Roger

Provavelmente a persona que mais plottwists sofreu num só episódio. Tom Yabo foi criado única e exclusivamente para que a mãe de Stan se apaixonasse por este e para que Roger recuperasse o seu quarto, uma vez que com mais um habitante na casa estava confinado à cave.

Casa-se com esta e torna-se padrasto de Stan. Istopor mais estranho que pareça, aproxima-os e faz com que Tom/Roger seja a figura paternal que Stan nunca teve. Tom e a sua esposa partem para as Cataratas do Niágara e Stan pensa que Roger planeia matar a sua mãe apenas para descobrir que se passava o contrário, uma vez que Betty queria o dinheiro do seguro de vida de Tom.

Tom sacrifica a sua própria vida quando estão os dois prestes a cair de um penhasco e Stan só pode salvar um, mas consegue sobreviver. A vida de Roger volta ao normal e Betty viaja para Paris com o dinheiro da seguradora.

Laura Vanderbooben


A voluptuosa secretária criada para que Roger conseguisse uma indemnização por assédio sexual após ter descoberto o dinheiro que podia ganhar com o processo, valeu pelos momentos hilariantes com que nos presenteou através da personalidade atiradiça criada por Roger para a mesma.

Laurel tenta por tudo conseguir que algum dos seus colegas de trabalho tenha comportamentos sexuais consigo, mas todos os seus avanços são em vão. Roger cria então Luke Fondleburg, um homem que admite ter assediado sexualmente Laurel o que rende a Roger 90 mil dólares.

Ricky Spanish


Considerada a pior persona inventada por Roger, Ricky Spanish parece exceder negativamente tudo aquilo que o extraterrestre já representa. Acontece que Roger não se lembra de o ter inventado e após ver no fundo do seu armário os adereços do mesmo decide simplesmente vestir-se daquela maneira e andar pela cidade.

É apenas quando ouve chamarem por Ricky que se lembra de todo o terror que causou e, com a ajuda de Steve, tenta emendar os seus erros, ainda que no final o traia e Steve acabe detido pela polícia.

Martin Sugar

Sc394_395_3A-0227

Conhecemos Martin Sugar no tribunal quando este está a ser julgado e Stan faz parte do júri, algo pelo qual anseia todo o ano. Isto vem no seguimento de uma conversa em que o membro da C.I.A. avisa o extraterrestre de que chegará o dia em que as suas ações não passarão incólumes e que este será castigado.

O episódio é marcado por uma roda viva de acontecimentos entre Roger e Stan após Martin Sugar ser condenado à prisão e fugir. São inúmeras as trocas de personagens realizadas para conseguir levar a cabo a fuga, que acaba por culminar com os dois presos.

Martin Sugar vale sem dúvida alguma por conseguir levar Stan ao extremo, algo que qualquer fã de American Dad adora ver.

Jeannie Gold

Roger

A “weeding planner extraordinaire” aparece num episódio em que o casamento de Francine e Stan está a passar por um mau bocado, mesmo na altura de renovarem os votos.

O cinismo de Jeannie demonstrado em coisas tão simples como o facto de trazer consigo hímenes falsos ou de quando lhe cai uma mama/laranja assumir-se como uma sobrevivente de cancro, faz dela a responsável por 20 minutos de riso e de incredulidade perante aquilo que Seth MacFarlane tem a coragem de pôr no pequeno ecrã.

Ainda que não seja a estrela do episódio, ficamos a saber através do aparecimento de dois filhos já crescidos de Jeannie que esta é uma persona que tem uma vida completamente separada de Roger e sobre a qual o espectador, bem com a família Smith, nada sabe.

Sidney Huffman

Roger

Foi sem dúvida alguma a persona que mais problemas deu a Roger, uma vez que no episódio em que aparece pela primeira vez Roger parece padecer de distúrbio de múltipla personalidade, algo que pelo que já vimos parece bastante coerente.

Roger descobre que Sidney existe quando vai a sua casa pronto para a destruir após este ter usado o seu cartão de crédito e percebe que são a mesma pessoa. Entretanto descobrimos que tudo era nada mais nada menos do que parte de um ultra elaborado plano para roubar um par de luvas, que levou a que Sidney ordenasse a um assassino contratato que matasse Roger pois não lhe conseguia perdoar o facto de ter acabado com a sua própria vida quando já não precisava de si.

Após uma luta entre os dois, tudo acaba bem para Roger que ainda consegue ficar com a namorada de Sidney numa conclusão de episódio bem ao estilo de American Dad.

Chex LeMeneux

Roger

Esta persona existiu muito para além de Roger e entra na história da família Smith de uma forma bastante peculiar. Enquanto Stan goza com o seu filho por não ter um herói verdadeiro, mostra-lhe os seus heróis – Ronald Reagan e a seleção de hóquei dos EUA em 1980 – e Roger admite fazer parte da mesma enquanto Chex LeMeneux.

A princípio Stan não acredita, mas acaba por se render às evidências durante uma reunião de antigos jogadores e entra em modo fanboy. Mas (e com Roger há sempre um “mas”) todas as certezas são abaladas quando Roger admite ter usado esteróides durante os jogos olímpicos e Stan o obriga a devolver a medalha.

Apesar de neste episódio ser Roger quem aparece durante a maior parte do tempo e não a sua persona, não podia deixar de estar presente nesta lista, uma vez que demonstra a densidade das personagens criadas pelo extraterrestre.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
The Weeknd e Bob Dylan ficam de fora dos Grammys 2021