Screenshot 2016-01-22 at 10

E se as princesas da Disney fossem ao… ginecologista?

Janeiro é o mês da sensibilização sobre o cancro cervical. De uma colaboração entre a ginecologista e oradora de educação sexual, Danielle Sepulveres, e a artista Maritza Lugo, nasceu esta série de ilustrações que mostram as princesas Disney a visitar o ginecologista e a cuidarem da sua saúde e bem estar.

De consultas de planeamento familiar a exames Papa Nicolau, há muita coisa que as mulheres podem fazer para proteger a sua saúde – em especial, a saúde do aparelho reprodutor – e que pode evitar o cancro do colo do útero (ou cancro cervical). Mas será que todas sabem disso?

Foi com base nesta questão que a ideia para esta série nasceu. Para Sepulveres, a cobertura mediática acerca da prevenção do cancro do colo do útero é insuficiente. O HPV é o causador de quase todos os casos de cancro cervical, é a DST mais comum nos E.U.A. e espera-se que 80% das mulheres entrem em contacto com ele em algum ponto das suas vidas. E a única forma de reverter este quadro é através da informação e da prevenção – conseguida através de vacinas e testes regulares.

Foi por esta razão, as duas criadoras do projecto quiseram dar visibilidade a estas questões e desconstruir alguns mitos criados em redor do HPV – como, por exemplo, que o HPV é apenas transmitido porque uma mulher é “promiscua” ou “irresponsável”. O que Sepulveres e Lugo querem fazer é derrubar a barreira da vergonha que impede as mulheres de procurarem informação e acharam que a melhor maneira de o fazer era utilizar símbolos que são próximos de quase todas as mulheres – as princesas Disney.