O Sporting e a NOS chegaram a acordo sobre os direitos televisivos do clube de Alvalade. O entendimento entre as duas empresas é de maior abrangência que aqueles celebrados pelo Porto e Benfica e ascende aos 515 milhões de euros.

De acordo com o Diário de Notícias, as negociações entre as partes prolongaram-se até às primeiras horas desta terça-feira, mas permitiram um acordo quase total entre as duas entidades envolvidas.

Este contrato prevê os direitos televisivos e multimédia de transmissão dos jogos durante 10 épocas a partir de julho de 2018, o patrocínio nas camisolas da Equipa A de Futebol Sénior já a partir de janeiro e a exclusividade por 12 anos da transmissão da Sporting TV, com início em julho de 2017. Por estas cláusulas serão pagos 446 milhões de euros.

Foram ainda feitas alterações ao contrato atual com a PPTV, participada da NOS, tendo sido revistos os valores a serem pagos pelos direitos de transmissão dos jogos da equipa principal e o direito de exploração da publicidade estática e virtual do Estádio José Alvalade entre as épocas 2015/2016 e 2017/2018. Esta revisão implicará um pagamento de 69 milhões de euros.

O Sporting deveria hoje reunir com a Altice, mas ao ter conseguido entender-se com a NOS cancelou o encontro com os responsáveis da holding francesa que detém a MEO.

(em atualização)