natal simpsons

Hit & Miss: o melhor e o pior do Natal na televisão portuguesa

A quadra festiva em que estamos prestes a entrar é marcada por algumas mudanças que anualmente se verificam na televisão portuguesa. Algumas destas alterações são muito bem recebidas e são uma lufada de ar fresco na programação dos quatro canais merecendo uma prenda no sapatinho. Outras, infelizmente, nem por isso. O Espalha-Factos traz-te uma lista com os melhores hits e os piores misses do Natal do nosso pequeno ecrã.

Hit

Episódios Temáticos

Friends
Friends

A época natalícia é fonte de inspiração para as mentes mais criativas e os guionistas das séries de televisão não são exceção. Nesta altura, mesmo antes da interrupção até janeiro, somos brindados anualmente com alguns dos mais interessantes, originais e divertidos episódios da televisão.

Quem não se lembra do Natal em que Ross, da série FRIENDS, se vestiu de tatu para educar o filho sobre o Hanukkah? Ou quando todo o elenco de Community foi transformado em bonecos de plasticina fruto da imaginação de Abed? E quando Homer e Bart, dos The Simpsons, adotaram o cão de família que viria a figurar para sempre na série que já ultrapassou as duas décadas?

Os exemplos são mais que muitos e este ano já tivemos casos como Modern Family e Brooklyn Nine-Nine a espalhar o espírito da quadra mais festiva do ano. Quem sai a ganhar são os espetadores, com episódios que mexem com a fórmula e que chegam a dar origem a algumas das mais memoráveis situações das respetivas obras.

Programação Infantil

Up
Up

O Natal é, por excelência, uma época do ano dedicada às crianças – são elas que, mais do que ninguém, verdadeiramente apreciam a magia do espírito natalício. E, tal como o público infantil tem direito aos melhores presentes, também tem direito a uma programação televisiva que lhes é especialmente dedicada.

Os canais de televisão costumam ajudar a entreter os mais novos durante as férias de Natal, tanto com programas especiais de desenhos animadps durante a manhã, como com a programação de filmes destinados ao público mais novo durante a tarde. Melhor mesmo, só quando esses filmes infantis são tão bons (por exemplo, quando são os filmes da Pixar), que toda a família gosta de ver!

Estreias de Filmes

Maleficient
Maleficient

Sabemos que os canais generalistas portugueses têm tendência para repetir filmes uma e outra vez. Mas, para nossa grande felicidade, a época natalícia é, normalmente, aquela altura do ano em que estes canais se esmeram no que toca a estrear filmes.

E é sempre bom colocar a família a ver um bocadinho de cinema de qualidade. Este ano, vamos poder contar com as estreias televisivas de Frozen, Maleficient, The Hunger Games: Catching Fire, Thor: The Dark World, The Impossible, entre outros, nos canais portugueses.

Miss

Reciclagem de Conteúdos

Sozinho Em Casa
Sozinho Em Casa

Quando muitos de nós ficam por casa a digerir a refeição da véspera de Natal e a desfrutar de um merecido descanso, é a altura ideal para sermos presenteados com novos e interessantes filmes, documentários ou séries de animação. A verdade é que por muito que existam várias estreias, com a quadra festiva a ser das alturas mais proliferas para novos conteúdos, os canais ainda acabam por preencher as suas horas de emissão com vários velhos conhecidos.

Claro que clássicos como Sozinho Em Casa ou Música No Coração têm sempre um merecido lugar de destaque no que de melhor se transmite na época natalícia, mas estes não precisam de marcar presença ano após ano, sempre na mesma altura. A quantidade de filmes e programas inspirados na época é imensa e há muito espaço para a rotatividade dos mesmos e até na aposta de obras menos conhecidas.

É a altura de dar e receber mas ninguém precisa de ter sempre a mesma prenda no sapatinho.

Publicidade

Popota
Popota

Não são só os programas, séries e filmes de televisão que se inspiram no Natal e que representam o seu espírito durante esta época. Sendo uma altura alta para o consumismo, as agências publicitárias são também mais inventivas e mais dispostas a investir em anúncios de qualidade na televisão.

Contudo, quando antigamente ainda tínhamos uma miríade de anúncios que evocavam a magia de partir numa nova aventura com os imaginários mundos que os novos brinquedos trariam, nos últimos anos parece que caímos numa tentativa desesperada de apelar à cultura pop e a um público infantil que há muito trocou a tradicional da televisão por conteúdos online on-demand com publicidade que parece não saber quem está a tentar cativar.

Tal facto alastra-se também aos adultos e jovens adultos em que casos memoráveis como os dois amigos que estavam roucos de tanto falar deram lugar aos já cansados e despropositados “snapshots da vida” com caras conhecidas para tentar dar credibilidade e notoriedade às marcas que tentam vender os seus produtos.

Reality Shows

2014-09-04-teresa-guilherme
Casa dos Segredos

Os reality shows atacam a programação televisiva portuguesa ao longo do ano todo, mas, para mim, tornam-se particularmente insuportáveis nesta altura. É véspera de Natal, a família está toda reunida em frente à lareira e tudo o que passa na televisão são Galas Especiais de Natal de um ou outro reality show, desde a famosa Casa dos Segredos até ao prato deste ano, A Quinta.

O maior problema destes especiais de Natal é mesmo que eles têm o seu público fiel – daí continuarem a passar todos os anos e que, quando queres mudar de canal ou meter um filme no DVD, a tua avó, ou a tua tia, ou mesmo a tua querida mãe, tiram-te o comando da mão porque querem ver os ditos reality shows. E o sofrimento causado por esta situação não é brincadeira nenhuma!

Artigo escrito por Gonçalo BaptistaRita Teixeira

Mais Artigos
Estamos Em Casa Sara Matos
‘Estamos Em Casa’. Sara Matos estreia-se como apresentadora