140997_2576_FULL

Nashville 4×07: o luto nunca mais acaba

Nashville continua a sua quarta temporada com o novo episódio, intitulado Can’t Get Used To Losing You, que estreou no dia 11 de novembro no canal ABC. Esta temporada de Nashville ainda só tem sete episódios e já assistimos a duas mortes. A série faz questão de não dar um minuto de pausa ao luto das personagens.

As autoridades e os media começam a investigar a morte de Jeff (Oliver Hudson) e Colt (Keean Johnson) confessa ao seu pai, Luke (Will Chase), que viu Jeff salvar Juliette (Hayden Panettiere) de uma tentativa de suicídio, caindo então para a sua morte. A família de Jeff ignora a existência de Layla (Aubrey Peebles) e proibe-a de estar presente no funeral.

ABC_nashville_jef_151112_12x5_1600

Enquanto Avery (Jonathan Jackson) procura por uma nova casa, Gunnar (Sam Palladio) e Scarlett (Clare Bowen) concordam que a sua banda deverá partir em digressão em breve. Scarlett, ainda prestando luto à sua mãe, decide cortar o cabelo, como forma de virar a página e iniciar uma nova fase da sua vida. Acredito que seja uma questão de hábito, mas Clare Bowen tem um rosto lindo e cabelo curto não lhe assenta nada bem!

Rayna (Connie Britton) encontra-se relutante em relação ao facto de Deacon (Charles Esten) abrir um bar em honra de Beverly, sabendo que ele é um alcoólico em recuperação. Enquanto se confronta com esta situação, Rayna decide também ajudar Layla, prestando-lhe conforto no seu luto quando mais ninguém o fez. Já desde há algum tempo que Rayna tem sido uma empregada de limpeza de Nashville, tratando das confusões de toda a gente e dando um ombro amigo a quem mais precisa. Está na altura de ela se começar a concentrar mais em si mesma.

maxresdefault

Antes de entrar em palco para um concerto, Juliette relembra toda a noite passada e apercebe-se de que a morte de Jeff foi, de facto, culpa sua. A protagonista desiste do concerto e Layla toma o seu lugar, prestando homenagem a Jeff com uma atuação incrível de I’m Lost.

Layla é daquelas personagens que parece acrescentar pouco ou nada a Nashville, mas a sua voz é das melhores entre os vários cantores e só por isso merece permanecer na série. Nos últimos minutos do episódio, Juliette admite a Luke que precisa de ajuda e decide inscrever-se numa clínica de reabilitação. Finalmente!

Nashville continua com a sua montanha russa de emoções e tanto luto já me começa a deixar um pouco deprimido. Embora as narrativas exploradas sejam interessantes e as interpretações dos atores contenham poucas ou nenhumas falhas, a série precisa urgentemente de voltar às suas raízes, pondo um pouco de lado tanta morte e tanta depressão, e trazendo de volta o universo da música country e momentos mais felizes para os protagonistas. Eles bem precisam!

NOTA: 6/10

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Foals vão ao Super Bock Super Rock
Foals, boy pablo e Local Natives são as primeiras confirmações para Super Bock Super Rock 2021