O novo episódio de American Horror Story fez jus ao seu nome e veio finalmente desvendar o mistério do Quarto 33 do famoso Hotel Cortez, numa hora bastante concentrada em Lady Gaga. O episódio estreou no dia 11 de Novembro no canal FX.

Num flashback para 1926, vemos a Condessa (Lady Gaga) na tão adorada “murder house” – cenário que serviu de palco para a primeira temporada da série. A protagonista contacta o doutor Charles Montgomery (Matt Ross) com o objectivo de realizar um aborto. No entanto, a criatura (de nome Bartholomew) sobrevive e, em semelhança à sua mãe, torna-se num monstrinho sedento de sangue – fazendo também uma analogia à personagem Infantata da primeira temporada. Bartholomew fica então alojado no quarto 33 do hotel.

american-horror-story-hotel-506-chloe-sevigny

De volta ao tempo presente, Liz (Denis O’Hare) e Tristan (Finn Wittrock) parecem estar apaixonados um pelo outro e iniciam uma relação. De onde é que isto apareceu? Tristan e Liz nunca trocaram sequer dois dedos de conversa. Enquanto isso, John (Wes Bentley) descobre a cave com os caixões onde as crianças vampirescas dormem, mas Alex (Chloë Sevigny) convence-o de que tudo foi uma ilusão.

Donovan (Matt Bomer) e Ramona (Angela Bessett) chegam ao hotel, com o intuito de matar as crianças, em jeito de vingança à Condessa. Ramona começa a sua tarefa com Bartholomew, mas rapidamente é atacada pelo bebé. Donovan é confrontado pelos fantasmas de Agnetha e Vendela, as turistas suecas que conhecemos no primeiro episódio e que morreram no hotel. Um regresso inesperado mas ainda assim triunfante – as actrizes tiveram prestações irrepreensíveis!

Donovan explica que Agnetha e Vendela têm de encontrar um propósito para a sua morte, só assim conseguirão aproveitar a sua estadia eterna no Cortez. Após descobrir mais uma vítima do Assassino dos Dez Mandamentos, John regressa ao hotel e afoga as suas mágoas em alcoól. Aconselhadas por Alex, Agnetha e Vendela envolvem-se numa cena de sexo a três com John. Mais tarde percebemos que foi tudo um plano de Alex para proteger o marido, pois este decide abandonar o hotel de vez e regressar a casa.

AHS-Ep506_Room33-ScGaGa_00589_hires1

Nos últimos minutos do episódio, Liz e Tristan decidem confrontar a Condessa com o seu envolvimento – visto que Tristan estava comprometido com a própria. A dona do hotel proclama o seu ódio por traições e mata Tristan em frente a Liz, cortando-lhe a garganta. Finn Wittrock não teve propriamente um papel relevante nesta temporada, mas é triste ver a sua personagem partir tão cedo.

Este foi provavelmente um dos melhores episódios desta quinta instalação de American Horror Story. A prestação de Lady Gaga enquanto actriz tem vindo a evoluir consideravelmente, embora as luzes da ribalta estejam claramente concentradas nas personagens de Liz e Alex – e com razão, pois Denis O’Hare e Chloë Sevigny encaram as personagens de modo inigualável. Posto isto, onde está a Sarah Paulson? A série não se pode dar ao luxo de dispensar uma das suas melhores actrizes.

NOTA: 7/10