Spectre-0

Spectre: a resposta a todas as perguntas

Chega esta semana às salas de cinema o mais recente filme da saga 007, criada por Ian Fleming. O realizador Sam Mendes volta assim a trabalhar com Daniel Craig, agora em Spectre, a quarta película do ator britânico na pele de James Bond

Em Spectre, Bond é incitado a levar a cabo, sem autorização, uma missão que lhe acabará por dar respostas às questões que o têm assombrado nos últimos anos. Além daquele que parece ser o vilão mais complexo com que o agente secreto já se debateu, Bond tem de medir forças com quem ameaça destruir, desde dentro, o departamento de inteligência britânica.

Spectre apresenta-se como o estágio final da vida de Bond; é a fase da carreira do agente secreto ao serviço de Sua Majestade que ainda faltava ver. As três anteriores películas – Casino Royale, Quantum of Solace e Skyfall – culminam em Spectre. O registo é apocalíptico, a produção megalómana. Não é por acaso que este foi o filme mais caro de sempre da série.

ob_80e4c2_ob-b53d50-james-bond-007-spectre-2015

Em entrevista, Sam Mendes confessou ter procurado fazer um filme diferente dos anteriores: mais romântico, no sentido literário da palavra, naturalmente. De facto, é visível um esforço na construção das personagens, tanto nas mais antigas como nas recentes adições ao elenco. E é neste aspecto que Spectre se supera, numa longa-metragem onde o argumento não acompanhou a qualidade da restante produção.

007 Spectre contempla os já clássicos momentos do género e, nesse sentido, não desilude os mais fanáticos pela saga: ritmadas cenas de luta, destruição desregrada de edifícios, o suspense característico combinado com momentos deliberados de anticlímax, perseguições devastadoras, tanto a pé como em carros topo de gama concebidos especialmente para a ocasião e, claro está, o apurado sentido de humor de James Bond.

Spectre é, no entanto, pautado por desequilíbrios. Tal como qualquer blockbuster, nota-se a clara aposta na produção e um desinvestimento no argumento. A par disto, as interpretações: até Christoph Waltz, com cartas dadas no papel de vilão, parece desconfortável na sua personagem. Por outro lado, a banda sonora, desde o genérico – com o tema Writings on the Wall, de Sam Smith – até aos efeitos sonoros, resulta na perfeição.

spectre-trailer-bond-on-the-lake

Para além de Londres e Roma, a ação do filme passou pela Cidade do México, pelos desertos de Marrocos e pelas montanhas Austríacas, o que permitiu a continuidade do apurado trabalho cinematográfico que tem vindo a ser desenvolvido desde Casino Royale.

6.5/10

Ficha técnica

Título: Spectre
Realizador: Sam Mendes
Argumento: John Logan, Neal Purvis, Robert Wade e Jez Butterworth
Elenco: Daniel Craig, Christoph Waltz, Léa Seydoux, Ralph Fiennes, Monica Bellucci, Ben Whishaw, Naomi Harris, Dave Bautista
Género: Ação, Thriller, Aventura
Duração: 148 minutos

Mais Artigos
Katherine Waterston e Jude Law em The Third Day
‘The Third Day’: minissérie “inovadora” com Jude Law chega à HBO