colecao-anti-princesas

Coleção infantil conta histórias de mulheres inspiradoras

Da autoria de Nadia Fink, a editora argentina Chirimbote organizou e lançou Antiprincesas, uma coleção que pretende dar destaque e contar aos mais novos histórias de mulheres latino-americanas que se notabilizaram em várias áreas.

A coleção pretende romper com a imagem da “princesa Disney” com que normalmente a figura feminina é retratada, dando a conhecer as histórias reais de mulheres lutadoras e independentes que, como refere a autora, não são tão conhecidas como as dos homens. Violeta Parra, Juana Azurduy e Frida Kahlo são algumas dessas figuras.

“Conhecemos muitas histórias de grandes homens, mas não tanto de grandes mulheres. Sim, conhecemos algumas princesas, mas elas estão longe da nossa realidade, vivendo em castelos enormes e frios”, diz a autora.

Antiprincesas é uma coleção que ainda não tem tradução em português e só pode ser comprada na Argentina.

Mais Artigos
Limp Bizkit e Linkin Park: 20 anos de dois álbuns que marcaram uma geração