Esta quarta-feira a Lanvin confirmou à Business of Fashion a saída do seu diretor criativo, Alber Elbaz, após 14 anos a exercer esse cargo.

Depois de Simons e Wang, que deixaram respetivamente a Dior e a Balenciaga nas últimas semanas, chegou a vez de Alber Elbaz abandonar o seu cargo na Lanvin, após anos de trabalho que permitiram elevar a marca a uma das favoritas do público feminino em geral e de celebridades tais como Meryl Streep e Natalie Portman.

Elbaz deixou-se demarcar não só pelo seu talento, mas também pelas qualidades enquanto pessoa. No seu comunicado após a sua saída, refere “gratidão e afeto” para todos os seus colegas. Todavia, as circunstâncias de saída do diretor parecem ter sido pouco amigáveis, havendo rumores de um desentendimento entre este  e o dono da marca, Shaw- Lan Wang, segundo o WWD. Ainda assim, sabe-se que vários funcionários choraram com a demissão do estilista.

Surgem agora suspeitas de que Elbaz estará de malas feitas para ocupar o lugar de Simons na Dior. O tempo médio de um estilista numa marca é de 3 anos e Elbaz quase quintuplicou este tempo.