maxresdefault-(2)

Once Upon a Time 5×04: guerra de casais

O novo episódio de Once Upon a Time – em português Era Uma Vez, no AXN White -, intitulado The Broken Kingdom, estreou no dia 18 de outubro no canal de ABC e veio criar um campo de guerra entre casais (e até triângulos amorosos), cada um tentando cumprir o seu propósito.

No passado de Camelot, cinco anos antes da narrativa que temos vindo a acompanhar, vemos novamente o momento em que o Rei Artur (Liam Garrigan), cumprindo a profecia de Merlin, retirou Excalibur da pedra, apenas para descobrir que falta uma peça (a adaga de Dark One). Ainda assim, Artur anuncia ao reino que encontrou a espada inteira. A sua obsessão pela peça restante fragiliza a sua relação com Guinevere (Joana Metrass), a qual acaba por procurar conforto em Lancelot (Sinqua Walls).

O1

Artur parte na sua missão para encontrar a adaga e Guinevere e Lancelot decidem fazer o mesmo, seguindo um rumo diferente. Ambos levam uma manopla de Merlin capaz de lhes indicar a localização daquilo que procuram. Chegada ao seu destino, a dupla vê-se confrontada com Rumplestiltskin (Robert Carlyle), que decide trocar a manopla pelas Areias de Avalon, um produto mágico capaz de resolver qualquer problema que o seu utilizador queira.

De volta a casa, Artur confessa que sempre soube do caso entre Guinevere e Lancelot, e decide usar as areias na esposa, tornando-a obediente a qualquer uma das suas vontades. Para além disso, Artur usa também as areias para reconstruir o resto de Camelot, simulando um reino que, no fundo, não existe.

Cinco anos mais tarde, Mary Margaret/Branca de Neve (Ginnifer Goodwin), avisada por Lancelot, diz a David/Príncipe Encantado (Josh Dallas) que Artur não é de confiança e que Lancelot está vivo. David não acredita na história da esposa e decide confessar a Artur que Emma (Jennifer Morrison) é a nova Dark One e que a equipa está em posse da adaga capaz de completar Excalibur.

O2

Mary Margaret e Lancelot decidem esconder a adaga num local seguro, mas são apanhados por Artur, que exige o objeto de volta. David aparece e confessa que tudo fora um plano entre ele e Mary Margaret, de modo a apanharem Artur em flagrante. O trio decide prender o rei, mas este é salvo por Guinevere, que continua sob o feitiço do seu marido. A mulher decide usar novamente as Areias de Avalon em David e Mary Margaret, e estes acabam por ficar sob o seu comando.

Lancelot é preso e a sua companheira de cela diz querer também derrubar o Rei Artur. O cavaleiro forma então uma aliança com, nada mais nada menos, que Merida (Amy Manson).

De volta a Storybrooke, na linha temporal presente, Emma está decidida a tornar Rumplestiltskin num herói e controla Merida de modo a que esta comece a pôr à prova a coragem do homem. Uma referência interessante ao filme da Disney, já que Emma diz: “I need you to make him brave“.

O novo episódio de Once Upon a Time merece aplausos sobretudo graças à sua estrutura. As alianças formadas entre os diferentes casais deram possibilidade ao episódio de despontar pequenas reviravoltas aqui e ali. Para além disso, o público estava habituado a ver David e Mary Margaret como pais, e foi bom voltar a olhar para eles como casal.

Adicionalmente, tendo em conta que a prestação de Amy Manson como Merida no episódio piloto foi excecional, é bom ver a atriz de volta em grande. Posto isto, serei só eu que acha que Regina (Lana Parilla) tem tido pouco tempo de antena nos últimos episódios?

NOTA: 8.5/10

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
FOX Movies promete um mês de abril cheio de clássicos