O quinto episódio de Heroes Reborn, criada por Tim Kring, estreou no dia 15 de Outubro no canal NBC, tendo como título The Lion’s Den, e veio finalmente esclarecer a ameaça que se impõe sobre a espécie humana – evoluídos ou não.

Malina (Danika Yarosh) e Farah (Nazneen Contractor) continuam na sua viagem, de modo a reunir a primeira com os heróis para que ela possa ajudar a salvar o mundo. Ambas são atacadas pela equipa de Harris (Cle Bennett) mas Malina, capaz de controlar os elementos, contra-ataca. A equipa de Harris volta a surgir, mas desta vez acompanhados por Phoebe – a irmã desaparecida de Quentin (Henry Zebrowski), capaz de controlar a escuridão, como foi visto na prequela Dark Matters. Phoebe neutraliza os poderes de Malina e Farah, e esta sacrifica-se de modo a poder salvar a primeira.

H2

Luke (Zachary Levi) volta a casa, ainda em luto pela morte do filho e pela separação da mulher. Enquanto isso, Carlos (Ryan Guzman) persegue o homem que raptou o seu sobrinho e o Padre Mauricio, descobrindo que também ele é um Evo (sobre-humano com habilidades especiais). Esta descoberta é possível porque a organização Renautas decidiu lançar no mercado o EPIC, o produto que têm vindo a desenvolver – uns óculos capazes de localizar pessoas com poderes.

Erica (Rya Kihlstedt), a cabecilha da Renautas, continua na sua missão de simular poderes sobre-humanos, raptando Evos e mantendo-os em cativeiro. A sua filha Taylor (Eve Harlow) ludibria-a de volta a casa, onde Noah (Jack Coleman) e Quentin se encontram à espera. Erica cai na armadilha e Noah exige respostas acerca do ataque terrorista do dia 13 de Junho e da morte da sua filha, Claire.

Tommy (Robbie Kay) descobre que é adoptado e dirige-se à sua mãe, no hospital, de modo a obter respostas. Luke decide deixar as memórias para trás e, utilizando o seu poder, pega fogo a uma fotografia da mulher e do filho, bem como a todo a casa. Harris aparece para salvar Erica, mas a cena é interrompida por Miko (Kiki Sukezane), que assalta a casa de modo a roubar a tão procurada espada (finalmente!).

H1

O episódio termina com a grande revelação que o público tem esperado. De volta a Renautas, Erica é informada que uma onda solar aproxima-se da Terra mais depressa do que se esperava e que, dentro de poucos dias, 96% de todas as espécies serão eliminadas. Os heróis pretendem impedir a catástrofe, enquanto Renautas se prepara para montar uma nova civilização após o desastre.

Em suma, o novo episódio de Heroes Reborn conseguiu superar as expectativas, tendo em conta a temporada desastrosa que temos tido até agora. Para além de explorarmos um pouco mais os poderes de várias personagens, fomos finalmente apresentados à grande catástrofe que se impõe sobre os protagonistas e que eventualmente irá opor heróis e vilões. Para além disso, agora conscientes daquilo que têm de fazer, os protagonistas têm uma boa oportunidade para recrutar ajuda – quem sabe, os antigos heróis da série original.

NOTA: 7/10