Para assinalar o regresso de Apsarases, nada melhor que uma estreia em hip-hop. Apresentamos-te os primeiros vencedores de um dos programas televisivos mais falados na América: os Jabbawockeez.

Como referência deste tão rítmico estilo de dança, o Espalha-Factos não podia deixar de mencionar uma das competições de dança de rua mais assistidas de sempre: a série de TV America’s Best Dance Crew.

Estreada em fevereiro de 2008, a série apresentada pelo ator Mario Lopez (excepto a temporada deste ano, a cargo do australiano Jason Dundas) viu crescer a crew a que se faz referência nesta edição de Apsarases.

O projeto nasceu em 2004 no Novo México (EUA), mas foi ao entrar na competição e ao vencer a 1.ª temporada, que o trabalho dos Jabbawockeez passou a ser conhecido por todos os apreciadores deste tipo de dança.

A fusão de vários estilos urbanos, principalmente o popping e o breakdancing (estilos descendentes do hip-hop), em conjunto com uma sincronicidade cuidada de música instrumental e as suas máscaras brancas, fazem dos Jabbawockeez um grupo de características vincadas e muito próprias.

A escolha do vídeo de hoje tornou-se difícil perante tamanho talento, no entanto, o regresso do grupo ao programa, em 2011, marcou a diferença.

Nesta apresentação, um pequeno exército dos Wockeez surge pela entrada principal do palco de America’s Best Dance Crew, para uma pequena introdução na coreografia. A verdadeira crew só depois é revelada, quando os restantes se afastam, e a partir daí, ao som de Devastating Stereo, produzida pelos The Bangerz. O grande espetáculo a que os Jabbawockeez sempre nos habituaram, começa.

No entanto, ao mesmo tempo  que os “falsos” Wockeez se passeiam pelo exterior do palco, de dentro do rádio gigante (objeto quase sempre presente nas coreografias do grupo) surge mais uma surpresa que marca o clímax desta dança – um Wockeez em ponto pequeno que, de repente e para êxtase dos espectadores, começa um solo.

No final, perante o olhar já bastante curioso de todos, os membros do grupo tiram as máscaras e revelam que a pequena dançarina é uma menina, provocando, mais uma vez, o espanto do público e dos jurados. “Maravilhosa!”, referiu JC Chasez, membro do júri. Realmente o talento não se mede aos palmos!

Vários anos após a 1.ª temporada de America’s Best Dance Crew, os “robóticos” Jabbawockeez ainda surpreendem quem os segue, mantendo sempre o mesmo registo mas apurando cada vez mais o talento que lhes deu a vitória no programa, em 2008.

A série America’s Best Dance Crew, depois de três anos sem ser transmitida, voltou este ano aos ecrãs da MTV. Nas finais da 8.ª temporada, em agosto, a vitória foi dada aos Quest Crew, oriundos da Califórnia.