Director Manoel de Oliveira stands on stage during an homage to his career at Cannes
Portuguese director Manoel de Oliveira, 99, stands on stage during an homage to his career at the 61st Cannes Film Festival May 19, 2008. REUTERS/Jean-Paul Pelissier (FRANCE) - RTX5WXC

Manoel de Oliveira e Miguel Gomes na Viennale 2015

O Festival Internacional de Cinema de Viena, ou como é mais conhecido, a Viennale, está de volta à capital austríaca para mais uma edição. Este ano, entre muitas novidades e antestreias norte-americanas e europeias, destaca-se uma forte presença portuguesa na programação do certame.

À semelhança do que já se fez noutros festivais um pouco por todo o mundo, a Viennale presta homenagem a Manoel de Oliveira, o mítico mestre do cinema português que nos deixou a 2 de abril deste ano. O programa dedicado a Oliveira é constituído por 16 filmes, 12 deles da sua autoria, onde se incluem Vale Abraão, Non ou a Vã Glória de Mandar e ainda Douro Faina Fluvial, o primeiro que realizou. Os outros quatro títulos desta homenagem são Cinematón#102, filme tributo de Gérard Courant ao português, El, Gertrudes e O Denunciante, três das suas obras prediletas.

Mas não é só por Manoel de Oliveira que Portugal se faz representar em Viena. Miguel Gomes continua a sua caminhada pelos festivais internacionais e os três volumes de As Mil e Uma Noites vão ter direito a duas sessões cada no festival. A dupla João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata também está de volta aos grandes certames para apresentar a sua curta-metragem documental ICE LongA Uma Hora Incerta de Carlos SabogaProvas, Exorcismos de Susana NobreRabo de Peixe de Joaquim Pinto e Nuno Leonel, e A Toca do Lobo da Catarina Mourão completam a lista de representantes portugueses.

A Viennale tem início no dia 22 de outubro e prolonga-se até 5 de novembro. Para além dos títulos portugueses, estão também em foco no festival Carol e The Lobster, dois dos filmes que mais furor fizeram na última edição de CannesEu, o Earl e a Tal Miúda e Dope, ambos premiados em Sundance 2015, e ainda a a revisitação a obras de Charles Chaplin e Elia Kazan, entre muitos outros destaques.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Elite S3
‘Elite’. Já temos a data de estreia da 4.ª temporada