Parece impensável juntar um Big Mac e um Whopper no mesmo hambúrguer? Pois bem, o Burger King não teve medo de arriscar e de lançar o desafio ao McDonald’s a troco de uma boa causa. Só faltou ter uma resposta positiva.

O pedido partiu do Burger King (BK) através de uma carta aberta ao seu maior concorrente, o McDonald’s. O vídeo partilhado pelo BK inundou as redes sociais e está a dar que falar. Pretendia-se com isto celebrar, no dia 21 de setembro, o Dia Internacional da Paz, um dia sem rivalidades onde a concorrência era anulada em prol de uma causa maior.

http://www.youtube.com/watch?v=e01a4-ClcTs

A campanha de marketing por parte do Burger King foi recebida com surpresa por todos. Tudo foi pensado ao mais pequeno detalhe, desde um site próprio até a ilustrações de como seriam as lojas caso houvesse uma fusão das duas cadeias de fast-food.

A proposta iria envolver a criação de um hambúrguer que juntasse o melhor dos dois mundos: um Big Mac e um Whopper, incluindo seis ingredientes de cada. O McWhopper seria comercializado apenas durante um dia e num só local- em Atlanta, que fica a meio caminho das sedes de cada uma das gigantes americanas. As receitas resultantes desta parceria reverteriam para a Peace One Day, uma organização sem fins lucrativos. No vídeo divulgado pela cadeia, aparece Jeremy Gilley, fundador da organização, que realça o quão importante seria esta fusão e que “poderia ajudar a salvar vidas”.

 

McDonald’s, o desmancha-prazeres:

Ora, este casamento de hambúrgueres até podia ter tido um final feliz, caso ambas as partes tivessem dito o “sim”. O McDonald’s foi a noiva em fuga e respondeu negativamente à proposta do Burger King, através de uma mensagem deixada por Steve Easterbrook, CEO da companhia. “Adorámos a intenção, mas acreditamos que as nossas duas marcas podem fazer algo maior para marcar a diferença”, declarou.

A mensagem final escrita em forma de post scriptum não deixou margem para dúvidas quanto ao facto do McDonald’s não ter achado piada à campanha do Burger King. “Um simples telefonema serve na próxima vez”, rematou Steve.