Neste Aqui Há Blog entramos definitivamente em modo verão e viajamos até à solarenga West Coast com Always Judging. Mas se estão à espera da típica california girl, desenganem-se porque no blogue de Courtney Trop quem reina é o conforto e o minimalismo. 

Natural da Pensilvânia, na Costa Este, Courtney Trop foi para a cidade de Nova Iorque para estudar e trabalhar na área da moda, mas foi a Costa Oeste que acabou por ganhar o seu coração e fazê-la mudar para a Califórnia, para tirar o seu curso no Fashion Institute of Design and Merchandising. A verdade é que quando decide criar o blogue, em 2013, Courtney já está na indústria da moda há quase 10 anos, tendo já feito um pouco de tudo: desde trabalhar na Saks até gerir a sua própria boutique.

alwaysJudging-logo@2x

O Always Judging surge com o objetivo de mostrar a forma como Los Angeles, a cidade que acolheu Courtney, foi (e continua a ser) determinante na influência do seu estilo. Para a blogger de 28 anos, na moda a inspiração pode ser encontrada em tudo o que fazemos diariamente e, por isso, para além do seu estilo pessoal, gosta de mostrar todas as coisas que o influenciam: desde as ruas a comida, viagens, design e, particularmente, música. Quando não está a trabalhar no blogue, o mais certo é encontrá-la num qualquer concerto que esteja a acontecer na cidade.

O nome Always Judging vem da tendência para estar permanentemente a julgar seja o que for. Courtney admite que, no que toca a moda, tem sempre uma opinião sobre tudo e convida os seus leitores a também eles “julgarem” abertamente aquilo que publica.

Segundo a blogger, gerir o seu blogue é como ser editora da sua própria revista de moda, com direito a ser também fotógrafa, redatora, estilista e designer gráfica, tudo ao mesmo tempo! Courtney defende que o propósito dos blogues de moda passa por deixar aos leitores inspiração para os seus próprios guarda-roupas e acredita que os bloggers são os novos ditadores de tendências e ícones de estilo.

A verdade é que, o que quer que esteja a fazer, Courtney está a fazê-lo bem. Em apenas dois anos de existência, o blogue já foi destacado em publicações como: a Vogue americana, italiana, espanhola e holandesa, Teen Vogue, Harper’s Bazaar, Marie Claire, Elle UK, Glamour e Grazia. E mais: medindo apenas 1,52 metros de altura, Courtney já foi a cara de marcas como Guess, Stella & Bow, Nicole Miller, Reformation ou LnA, sendo um exemplo para todas as raparigas baixinhas a tentar singrar na área.

Courtney é obcecada por chapéus e pela moda australiana. Durante o ensino secundário, alugava as peças do seu guarda-roupa às amigas e tinha que anotar todas as encomendas para não perder o fio à meada! Courtney Trop é aquela rapariga que faz furor no street style das semanas da moda e dá sempre um twist a qualquer conjunto que vista. Apesar de tudo, o conforto é essencial para a blogger que afirma que, se não estiver confortável, não consegue sentir-se gira.

Não gosta de usar demasiados acessórios, nem cores muito vibrantes. Considera o seu estilo básico mas inovador, experimental mas sempre simples. É minimalista e gosta de mostrar que com apenas preto e branco se pode fazer muita coisa, recorrendo a diferentes padrões, texturas e a peças capazes de marcar uma posição.