Um grupo de bailarinas portuguesas, alunas da Escola de Dança Ana Köhler, vai participar nos Dance Awards, que se realiza em Nova Iorque, entre os próximos dias 4 e 12 de julho.

São oito raparigas – Mariana Costa, Beatriz Lima, Maria Guadalupe, Inês Barbosa, Ioana Hristova, Leonor Laquet, Maria Azêvo e Sofia Matos – com idades entre os 14 e os 16 anos, que bem cedo descobriram o ballet. A maioria já frequenta aulas de dança clássica há nove anos. Em comum, têm a paixão pela dança e estão prestes a viver o “sonho americano”.

Tudo começou em janeiro deste ano, quando uma delas participou num concurso internacional em Chicago. Uma coreografia de contemporâneo valeu-lhe a medalha de ouro e ainda um convite por parte da organização para levar um grupo de colegas às finais, em Nova Iorque.

10410178_1653171561573583_6830132849096164318_n

Contactada pelo Espalha-Factos, Ana Köhler, professora e diretora da escola, afirmou que acima de qualquer prémio que possam trazer no regresso a Lisboa, está “a riqueza da experiência que as vai tornar melhores bailarinas, do que já são”.

Ao participarem neste concurso, com centenas de bailarinos de vários países, as New York Girls – grupo que formaram para divulgar o projeto e angariar fundos que as levassem até aos Estados Unidos – terão a oportunidade de fazer aulas na Alvin Ailey Dance Company e no Broadway Dance Center e contactar com professores e coreógrafos reconhecidos internacionalmente.

Os Dance Awards são o mais importante evento de dança realizado nos Estados Unidos da América. Este ano realiza-se a 5.ª edição que conta com a presença de toda a equipa do programa So You Think You Can Dance.

Na bagagem, as bailarinas portuguesas levam muitas horas de ensaios, uma coreografia de Dança Clássica, de Ana Köhler e um solo de contemporâneo, da autoria de Colin Vieira. E ainda entusiasmo, garra, muita vontade dançar, de aprender e “voar”.