A peça Tropa-Fandanga vai estar em cena no Teatro São Luiz de 24 a 28 de junho. Depois da sua estreia em 2014, a criação do Teatro Praga vai ser reposta, sendo integrada nas Festas de Lisboa ’15.

A influência do Teatro de Revista é utilizada pelo Teatro Praga para comemorar duas efemérides: os 40 anos do fim da Guerra Colonial e os 100 anos do início da Primeira Guerra Mundial. Esta reposição tem em atenção a atualidade característica do Teatro de Revista, para estar mais próximo do presente.

Os primeiros Teatros de Revista, apresentados no início do século XVIII, faziam uma revisão burlesca e caricaturada das situações. Em Portugal, este tipo de peças começam a surgir a partir dos anos 50 do século XIX.

Tropa-Fandanga foi escrito por Pedro Zegre Penim, José Maria Vieira Mendes, André e. Teodósio, Cláudia Jardim, Diogo Bento, Diogo Lopes, Joana Barrios, Joana Manuel e João Duarte Costa. Na interpretação conta com José Raposo, André e. Teodósio, Cláudia Jardim, Diogo Bento, Diogo Lopes, Filipa Cardoso, Joana Barrios, Joana Manuel e João Duarte Costa. Na música tem  João Paulo Soares (piano), Vasco Sousa (baixo acústico, viola), Francisco Cardoso (bateria), Ruben da Luz (trombone), Maria João Cunha (acordéon), Tiago Morna (guitarra portuguesa) e Filipa Cardoso (atração do fado).

De quinta-feira a sábado, o espetáculo realiza-se às 21h e no domingo às 17h30.

Consulta mais informações, aqui.