O Cumplicidades – Festival Internacional de Dança Contemporânea de Lisboa vai regressar à capital portuguesa de 4 a 19 de março de 2016.

O festival teve a sua edição zero em março de 2015 e vai ter uma 1.ª edição com base na palavra “processos”. De acordo com o programador Ezequiel Santos, a aposta vai ser de novo na promoção de “um lugar de partilha entre coreógrafos” e na divulgação nas “propostas contemporâneas de âmbito mais experimental e para as quais existem públicos, conforme verificámos pelo forte êxito que a edição zero alcançou. Cremos que a edição de 2016 continuará a ligar os artistas e a cidade de Lisboa.”

Segundo a organização, as edições seguintes deverão ser bienais.

Recentemente, o festival foi distinguido com a certificação EFFE (Europe for Festivals Festivals For Europe) entre 761 festivais de 31 países. A iniciativa criada pela União Europeia atribuiu esta distinção ao Cumplicidades “pelo seu compromisso para com as artes, a comunidade e os valores europeus”.