the kooks

Queima das Fitas de Coimbra, 2015 – O Último Dia

Terminou mais uma Queima das Fitas de Coimbra. O último dia de recinto trouxe PAUS e The Kooks ao palco principal.

À meia-noite do sábado passado, começou o espetáculo de fogo de artifício à beira-rio e ao som da Balada da Despedida do 5.º Ano Jurídico, como acontece todos os anos no último dia de Queima. Centenas de estudantes assistiram ao fogo na Portagem ou na Ponte de Santa Clara.

Já no recinto, e após a atuação da tuna As Fans, o grupo português PAUS atuou para os milhares de estudantes que não quiseram perder o seu espetáculo. Durante mais de uma hora e meia, a banda apresentou os temas mais conhecidos dos seus álbuns.

paus

Às duas e dez da manhã, subiram ao palco The Kooks. Para alguns era o concerto mais aguardado deste cartaz, e a banda britânica não desiludiu. Formado em 2004, o grupo indie rock já lançou quatro álbuns de estúdio, sendo que o último foi apresentado em 2014. Luke Pritchard, vocalista, encantou os fãs com a sua atitude relaxada e a meia dúzia de perfeitos “obrigados” que foi dizendo ao longo da atuação. A setlist incluiu Around Town, Down, She Moves In Her Own Way, Seaside e See Me Now. Naive, o tema mais popular da banda, encerrou o espetáculo que, apesar de não ter tido direito a encore, deixou os estudantes bem satisfeitos. Para fechar definitivamente o palco principal da Queima das Fitas de Coimbra, houve ainda tempo para a atuação do Grupo de Cordas e Grupo de Fado.

the kooks

A festa, como já se sabe, continuou nas tendas eletrónicas e no palco secundário. Infelizmente, e porque o tempo teima em não abrandar, as seis da manhã não se fizeram esperar. A Balada da Despedida, o hino da saudade para qualquer estudante de Coimbra, ouviu-se por todo o recinto. É um cenário que não se esquece: as dezenas de jovens a chorar, os abraços de grupo, o arrepiante grito académico, as estridentes bengaladas nas estruturas de metal das tendas, que alguns defendem ser o som mais bonito do mundo… o nascer do sol refletido no Mondego, os estudantes que abandonam o recinto a passo lento, os “adeus” e os “até já” que se ouvem por todo o lado… E a velha Cabra que nos olha do alto da cidade, onde permanecerá para sempre como o eterno símbolo de Coimbra.

“Uma vez Coimbra, para sempre saudade”.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
TVI Reality
Insólito. TVI Reality põe no ar ensaios da gala do ‘Big Brother’