os gatos

Os Gatos Não Têm Vertigens é o grande vencedor dos prémios Sophia

O filme Os Gatos Não Têm Vertigens, de António Pedro Vasconcelos, foi o grande vencedor dos prémios Sophia 2015, tendo conquistado 9 galardões dos 15 para os quais estava nomeado. O filme de João Botelho, Os Maias – Cenas da Vida Romântica destacou-se igualmente na passada noite de quinta-feira, tendo angariado sete destes prémios do cinema português.

Os Gatos Não Têm Vertigens marcou a noite ao ter conquistado as principais e mais cobiçadas categorias dos Sophia sendo estas as de Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Atriz (para Maria do Céu Guerra) e Melhor Ator (para João Jesus). O filme recebeu ainda nas categorias de Melhor Argumento Original, Melhor Banda Sonora e Melhor Canção Original pelo tema Clandestinos do Amor da fadista Ana Moura.

Por outro lado, Os Maias – Cenas da Vida Romântica de João Botelho venceu nas categorias de Melhor Ator e Atriz Secundários, entregues a João Perry e Maria João Pinho e ainda nas de Melhor Direção Artística, Melhor Direção de Fotografia, Melhor Caraterização , Melhor Maquilhagem e Cabelos  e de Melhor Guarda- Roupa.

Foram ainda premiados os documentários O Meu Outro País de Sergio Nordlund e E Agora? Lembra-me de Joaquim Pinto que venceram nas categorias de Melhor Curta-Metragem-Documentário e Melhor Documentário em Longa Metragem respectivamente.

Os Sophia são organizados pela Academia Portuguesa de Cinema e celebraram este ano a sua 4ª edição.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Documentário
‘Pelé’. Netflix lança documentário sobre o astro do futebol