A mais recente criação coreográfica de Miguel Moreira estreia esta sexta feira, pelas 21.30h, no grande auditório da Culturgest, em Lisboa: Romeu Runa, Catarina Féliz e Francisco Camacho dão corpo a Pântano.

 Miguel Moreira, ator, encenador,fundador e diretor do Útero, assume, nas suas criações mais recentes, uma preocupação extrema com a coreografia como forma de encontrar o lugar do corpo. Pântano é o percorrer de um caminho por peregrinos que pensam e, à medida que avançam, colocam em possibilidade a partilha e união do pensamento e do fazer entre o mundo civilizado e um universo selvagem.
Depois de The Old King, em 2011, Europa, em 2012,  no ano seguinte Pele e , por fim, em 2014 Under, Pântano encerra um ciclo de criações do grupo Útero com base na paisagem e na exploração em palco de elementos naturais. Pântano revela-se como capaz de nos retirar da nossa zona de conforto num movimento, entre a solidão e o sacrifício, que nos faz questionar o nosso papel no mundo. Sobre o espectáculo, o coreógrafo revela que “os peregrinos são pessoas que resolvem fazer uma profunda reflexão sobre si mesmos em movimento”.
A 27 e 28 de Março o Grande Auditório da Culturgest recebe Pântano pelas 21h30. Na sexta-feira, após o espetáculo, haverá uma conversa com os artistas na sala 1. Os bilhetes normais custam 12€, até aos 30 anos 5€.