Entre 2006 e 2009, Mike Brodie, um jovem fotógrafo (que tinha, na altura, apenas 18 anos) decidiu deixar tudo para trás, com o intuito de passar três anos a documentar o quotidiano de vários vagabundos americanos.

As suas fotografias, tocantes e próximas da realidade precária com a qual estas pessoas lidam diariamente, mostra-nos jovens nómadas, que saltam de comboio em comboio, aproveitando a sua boleia e viajando pelos Estados Unidos sem que nada os trave (nem a fome, nem o frio, nem o cansaço).

Este trabalho de Brodie valeu-lhe o reconhecimento junto a outros fotógrafos bastante célebres, assim como a publicação de um livro, onde expõe a sua experiência durante os três anos, e ao qual chamou A Period of Juvenile Prosperity.