O evento Terças de Poesia Clandestina decorre todas as terças-feiras, pelas 21h30, no espaço da Associação de Estudantes da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (AEFCSH/NOVA).

Este evento de poesia co-organizado pela AE tem entrada livre. O seu formato é constituído por duas intervenções programadas, seguidas de um espaço aberto a qualquer pessoa no público que deseje declamar poemas originais ou de outros autores.

O programa para o mês de março já está definido, tendo início no dia 3 com a declamação de Apocalírico por Renato Filipe Cardoso e poemas de João Gesta. No dia 10, é a vez de Paulo José Miranda ler Exercícios de Humano e dos Ritornelos de Joana Emídeo Marques. No dia 17, são as leituras da poesia de Raquel Nobre Guerra e São João da Cruz,  o pornógrafo místico. Dia 24 acontece a Saudação ao Sol por Catarina Nunes e convidados, com espaço ainda para uma Noite Galega, dinamizada pelo Centro de Estudos Galegos da FCSH/nova. Para terminar, no dia 31, Antero: um maníaco de qualidade terá a intervenção de Joana Amaral Dias, e ainda acontecerá a leitura de FMI de José Mário Branco.

É possível ficar a par das TPC através do Facebook oficial, onde estão também disponíveis podcasts.