antonio-homem-sonnabend

Pop Art e Minimalismo chegam a Lisboa

As obras da Galeria Sonnabend de Paris, pertencentes aos movimentos de pop art e minimalismo, chegam agora a Portugal nas mãos de António Homem, numa colecção de 15 artistas e 49 trabalhos no total.

O Museu Arpaz Szenes – Vieira da Silva, em Lisboa, será palco das obras de artistas como Andy Warhol, Roy Lichtenstein e Jasper Johns. A exposição Sonnabend | Paris – New York pretende voltar a dar protagonismo a um tipo de arte que nos anos 60 foi considerada menor e controversa.

Esta arte começou a ganhar destaque em 1962, graças a Ileana Sonnabend, que decidiu expor trabalhos de pop art e minimalismo na sua galeria parisiense. António Homem juntou-se ao projecto de Sonnabend em 1968, assistindo também ao nascimento da mesma galeria em Nova Iorque, em 1970. Após a morte de Ileana em 2007, o curador tornou-se o responsável máximo pelas obras.

Segundo Homem, “tem uma outra dimensão fazer esta exposição aqui [em Lisboa] porque é unir totalmente a minha vida de criança e adolescente com a minha vida de adulto”. O curador tem já planos para levar este projecto para o Museu de Serralves, no Porto, no próximo ano.

A exposição estará disponível até dia 3 de maio. Abre as portas ao público de terça a domingo, entre as 10h00 e as 18h00, tendo um custo de entrada de 5 euros.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Governo Sombra
SIC atrasa ‘Governo Sombra’ para segurar ‘Big Brother’