‘Instapoema’ procura harmonia entre poesia e imagem

Quando captamos um momento com uma máquina fotográfica ou com um smartphone apropriamo-nos dele. Aquilo que Bernardo Kirschner fez foi roubar as fotos dos instagrams de vários autores e colocar-lhes trechos poéticos da sua autoria.

O projeto do publicista brasileiro, intitulado de Instapoema, tem como objetivo “fugir da selfie, das fotos de comida e das frases de auto-ajuda”, segundo o mesmo afirmou ao Público, aproximando a poesia das pessoas.

Kirschner, no seu site oficial escreve ainda que “o projeto Instapoema busca uma conversa quotidiana entre poesia e imagem. Fotos de diversos autores conversam com a poesia de forma sintética e instantânea.”.

Se quiseres que as tuas fotos sejam as próximas a ter poesia escrita sobre elas, faz-te ao roubo! Basta marcares a foto com o perfil @instapoema.

Estes são alguns exemplos do trabalho de Kirschner:

 

Mais Artigos
Vento Norte, série de horário nobre da RTP1. Na cena, Almeno Gonçalves.
‘Vento Norte’. Um regresso que abala uma família e o país