pure

‘Pure’ ao EF: Lisboa é o próximo passo da app que diz ser a “Uber for dates”

Nós queremos conectar os nossos utilizadores offline o mais cedo possível (…) não queremos que os nossos utilizadores passem muito tempo na aplicação, pelo contrário. Queremos que a abram, que rapidamente conectem com alguém e que depois se vão encontrar offline [no mundo real]“, é isto que diferencia a Pure, segundo o seu criador Roman Sidorenko, em entrevista ao Espalha-Factos.  Pure, uma aplicação que podia ser o Tinder, mas é uma “Uber for dates“. 

Em Portugal por causa do Lisbon Challenge, Roman Sidorenko encontrou-se com o Espalha-Factos no Museu das Comunicações para nos falar sobre os próximos passos desta aplicação criada em terras lusas: “vamos a um runshow [amostra] onde vamos visitar investidores de países diferentes (…) e temos também um escritório garantido durante três anos, até vamos contratar trabalhadores locais”, refere.

Apesar de todo o desenvolvimento ter sido feito em Lisboa, o mercado da capital portuguesa não foi uma das apostas da Pure inicialmente, dando prioridade a capitais mais cosmopolitas espalhadas pelo planeta, mas Roman confessou que esse será um dos próximos passos a dar. Para já, a versão Android está a ser testada e será lançada em breve. A versão iOS tem ganho popularidade em Nova Iorque, Londres e Moscovo, a principal cidade do seu país de nascença, a Rússia.

Lisbon Challenge

Depois de meses de trabalho a criar de raiz uma startup, Roman e a sua equipa viram o seu trabalho recompensado com um terceiro lugar na competição onde estavam envolvidas, o Lisbon Challenge. Esta incubadora de startups ajudou a que várias fossem ali criadas, mas algumas saíram da Central Station, a sede do desafio, com mais regalias, como é o caso da Pure.

roman sidorenko

 

Roman Sidorenko, criador da Pure

Trabalhar com várias equipas no mesmo espaço foi a melhor parte para Roman Sidorenko:

As várias equipas trocavam ideias entre si, discutindo, e procurando soluções (…) ajudou-me bastante a mover-me depressa. Havia diferentes visões e diferentes perspetivas sobre o mesmo assunto o que enriqueceu o ambiente

Sidorenko vinca ainda a grande vantagem de estar no Lisbon Challenge: mentores especializados em cada parte de um negócio com historial em empreendedorismo: “Estes mentores não nos ensinam. Eles dão-nos diferentes perspetivas. Às vezes, perguntar a perguntas certa dá-te uma ideia que é realmente importante”, conclui.

Mas voltemos atrás. Como é que um russo chega a Portugal com uma startup por construir?

Tudo começa com a vontade de encontrar uma melhor solução para uma necessidade que para Roman Sidorenko era vital: facilitar o processo de relacionamento das pessoas. Contudo, nem Roman nem os amigos com quem tinha partilhado a ideia-protótipo eram web developers, ou seja, não sabiam como pôr em prática o sonho que tinham em mãos.

Não seria cool ter uma aplicação como esta? Foi com esta pergunta que tudo começou, mesmo antes de ter decidido que seria eu próprio a satisfazer esta necessidade

http://www.youtube.com/watch?v=VnANY8-9HKk

O primeiro passo foi ir até aos Estados Unidos para um evento de empreendedorismo onde aprendeu como definir todo o projeto “antes de sequer ter um nome, ou um protótipo digital”. Nesta etapa, já era visível uma decisão: “Tive de abandonar o meu emprego diário. A Pure apoderou-se da minha vida.” Mas há uma razão superior para além do tempo: “Os investidores iriam tornar-se céticos em relação a mim se eu continuasse o meu trabalho. Tinha de me entregar por completo à aplicação.”

As etapas sucederam-se, já com um designer a trabalhar na parte gráfica da aplicação e com os web developers que no início de tudo faltavam. Foi em Dublin que se deu a ponte para Lisboa. Um contacto que ali tinha criado enviou-lhe um mail com informações sobre o Lisbon Challenge. Ao início, Roman não se mostrou muito interessado, mas depois de terem passado três dias do prazo de candidaturas, o criador da Pure tentou na mesma e conseguiu. Estava de malas aviadas para a capital portuguesa.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Stanley Kubrick e Shelley Duvall: a nódoa esquecida no legado do realizador