A Sony afinal vai mesmo estrear, no dia de Natal, o polémico filme The Interview. Esta notícia representa um passo atrás por parte da distribuidora que, há alguns dias, anunciou o cancelamento total da exibição da película.

O Plaza Teather, em Atlanta e o The Alamo Drafthouse em Dallas/Fort Worth vieram a público afirmar que exibirão, a 25 de dezembro, o polémico filme protagonizado por Seth Rogen e James Franco.

Tim League, responsável pelo Alamo Drafthouse, escreveu no Twitter que a Sony autorizou a exibição de The Interview no Dia de Natal, sendo ainda hoje disponibilizados para venda os bilhetes.

Os responsáveis do Plaza garantem que o filme será exibido por eles, no Dia de Natal, em várias sessões e em dois ecrãs. Ambos os cinemas estavam entre aqueles que planearam a exibição de Team America: World Police para substituir o quase-cancelado The Interview.

Segundo avança o The Hollywood Reporter, a Sony está a anunciar aos cinemas que irá simultaneamente disponibilizar o filme em video-on-demand (VOD), sendo para já desconhecida a plataforma que utilizará para o fazer. Esta é uma opção que afastará ainda mais as grandes cadeias de cinema, que já haviam demonstrado pouco interesse em exibir o filme, e cuja opinião é de que, quando há um lançamento para os cinemas, não deve haver outro, em simultâneo, para o VOD.

O filme em questão, cujo enredo em torno do assassínio de Kim Jong-un, governante da Coreia do Norte, provocou um ataque informático e vários incidentes diplomáticos, foi rejeitado pela maioria das grandes cadeias de cinema, temerosas de ameaças terroristas.  Desconhece-se ainda qual será o total de salas a exibir o filme, depois desta nova decisão da Sony.