Maria Teresa Horta lança o mais recente livro, Meninas, na próxima quinta-feira às 18h30. A livraria Leya na Buchholz é o espaço escolhido para a escritora portuguesa apresentar a obra, que conta com as intervenções da psicanalista Maria José Vidigal e da professora de Literatura e investigadora Raquel Menezes.

Meninas, o novo livro de contos de Maria Teresa Horta, já se encontra à venda nas livrarias portuguesas. São relatadas várias histórias de meninas quase “todas negligenciadas, quando não abandonadas ou maltratadas” que se entregam “à imaginação, à magia ou às leituras salvadoras”, como se pode ler na contracapa da obra.

meninas

A apresentação realiza-se no próxima dia 4 de dezembro, quinta-feira, na Leya na Buchholz por volta das 18h30. Para além da intervenção da escritora, também a psicanalista Maria José Vidigal, que acompanhou a escritora em psicanálise durante quase 18 anos, e a professora Raquel Menezes discursam sobre estas Meninas.

Maria Teresa Horta foi distinguida, a 22 de maio deste ano, com o Prémio Consagração de Carreira, atribuído pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA). A escritora foi galardoada “pela qualidade, extensão e representatividade da sua obra”, pode ler-se no Público. Estreou-se na poesia em 1960 e atualmente tem toda a obra poética reunida em Poesia Reunida (2009), distinguido com o Prémio Máxima Vida Literária.

Em 2011 lançou As Luzes de Leonor, obra sobra a Marquesa de Alorna, sua antepassada. Foi-lhe atribuído o Prémio D. Dinis, da Fundação Casa de Mateus, mas a escritora recusou-se a receber o galardão do prémio do primeiro-ministro Pedro Passos Coelho.