Um simples tweet basta para, nos dias de hoje, lançar o caos. E assim foi com Rita Ora, que, na última sexta-feira, viu a sua conta do Twitter ser hackeada e prometer aos seus quase quatro milhões de seguidores música que, afinal, ainda não está pronta a ser divulgada. A resposta da britânica foi rápida.

Na manhã de sexta-feira, 31 (dia de Halloween), a cantora e compositora britânica de 23 anos surpreendeu os seus fãs com um update na popular rede social, que prometia a divulgação do seu mais recente trabalho no dia 3 de novembro, caso o tweet fosse retweetado pelo menos 100.000 vezes. Contudo, a mensagem foi colocada por um intruso e a própria prestou-se a esclarecer (e eliminar) tudo poucos minutos depois, quando a mensagem ainda ia nas 2.000 respostas.

“A minha conta do Twitter foi hackeada, há alguém a ameaçar divulgar música em que eu tenho trabalhado muito. Nada será divulgado até eu estar pronta”, escreveu então Ora, depois de muitas contestações dos seus fãs, aquando da eliminação do tweet que originou todo o rumor.

As informações divulgadas até à data são poucas mas espera-se que o novo álbum de Rita Ora (sucessor de Ora, lançado em 2012) saia em 2015, ano em que marcará ainda presença no painel de jurados da versão britânica do The Voice, com transmissão na BBC.