Primeiro o convite, depois a rejeição e, agora, o descontentamento. Phil Collins fora convidado por Adele para uma colaboração no próprio álbum da britânica, a ser lançado algures em 2015, mas acabou por ser posto de parte e tece agora grandes críticas à ‘recém-mamã’.

Em janeiro, Collins, membro dos Genesis, revelara o convite: “Comecei a trabalhar com a Adele. Ela contactou-me para escrevermos juntos (…) e adoro a voz dela portanto para mim é um abrir de olhos. É algo educativo”

Agora, contudo, e em entrevista à Q Magazine, o britânico de 63 anos tece fortes críticas à sua compatriota, de 26, que deixou de lhe dar notícias: “Ela disse ‘Estou a mudar de casa e o bebé toma-nos muito tempo, neste momento não estou a fazer nada’. E agora vejo notícias de que há um novo álbum a sair e sei que não estou nele. Escapou-se como um peixe.”

O novo álbum, que ao que tudo indica será intitulado de ‘25’, é esperado no início de 2015, seguido de uma tour mundial, mas Martin Mills, principal figura do grupo que detém a editora XL, a que pertence Adele, não confirma, para já, os rumores.

Wiz Khalifa e Ryan Tedder, vocalista dos OneRepublic e compositor de Rumour Has It, entre muitas outras faixas que ‘escalaram’ posições nos tops mundiais, também estariam a trabalhar com a britânica no seu novo álbum, não sendo ainda conhecidos mais detalhes.