Uma das obras mais conhecidas de Eça de Queiroz, O Mandarim, irá estar em cena na Sala Experimental do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, entre os dias 7 e 23 de novembro.

Com encenação de Teresa Gafeira, o espetáculo conta a história de um homem chamado Teodoro, um funcionário do Ministério do Estado. Após matar um mandarim com um simples toque de campainha, o nosso protagonista herda a sua avultada fortuna, dando origem a eventos peculiares e singulares como só o escritor consegue engendrar.

Segundo Eça, O Mandarim é uma obra “fantástica e fantasista” que vai “caracterizar fielmente a tendência mais natural, mais espontânea do espírito português“. A adaptação do texto foi levada a cabo por Pedro Proença, artista plástico que também elaborou as ilustrações que constituem o cenário da peça, e por Teresa Gafeira.

O espetáculo poderá ser visto de terça a sexta às 15h00 (para grupos escolares) e todos os sábados às 21h00 e domingos às 16h00. Os preços estão afixados entre os 6 e os 10€.