Os Simpsons podem ser uma das séries mais vistas em todo o mundo. Porém, se existisse um ranking das “séries mais processadas de sempre“, muito provavelmente ficaria entre os primeiros lugares. Desta vez, o queixoso é o ator Frank Sivero, que não gostou que o mafioso Louie d’Os Simpsons se parecesse com Frankie Carbone – a personagem que interpretou em Tudo Bons Rapazes.

No documento publicado pela Deadline, lê-se que Sivero  processou os estúdios da FOX, bem como o criador da3,w=559,c=0.bild série norte-americana, Matt Groening, por alegada apropriação dos direitos de imagem, e exige nada menos do que 250 milhões de dólares (qualquer coisa como 198 milhões de euros).

O ator ítalo-americano era vizinho dos argumentistas d’Os Simpsons em 1989 e, segundo o mesmo documento, “eles estavam cientes de que o personagem Frankie Carbone foi criado e desenvolvido por Sivero, que baseou esse personagem na sua própria personalidade”.

Louie apareceu pela primeira vez n’Os Simpsons em 1991, um ano depois da estreia do filme de Scorsese, e, desde então, voltou a aparecer cerca de 15 vezes.”Os Simpsons continuam a usar a imagem de Sivero para fins comerciais sem o seu consentimento e devidas recompensas“, refere a ação judicial.

Esta não é a primeira vez que Frank Sivero processa uma entidade devido à sua personagem: em julho deste ano, o ator processou um restaurante por usar uma fotografia sua para publicitar uma sandes chamada Frankie Carbone