Hoje, dia 21 de outubro, é dia dos bailarinos tirarem as suas selfies. O desafio foi lançado pela Royal Academy of Dance e por duas organizações internacionais de professores de dança para que a sua arte não fique esquecida.

A moda das selfies está tão entranhada no dia-a-dia de todo o mundo, que a comunidade da dança decidiu aderir e não ficar de fora deste fenómeno. Visto por muitos como uma arte de elites e estereótipos, a comunidade da dança continua a surpreender mostrando que, contrariamente ao que dizem, está sempre atenta às tendências modernas.

O objetivo do Dance Selfie Day é juntar o maior número de selfies de bailarinos de todo o mundo de forma a que se partilhe uma arte por muitos esquecida. Se és bailarino, podes juntar-te a esta celebração da dança tirando uma fotografia a ti mesmo enquanto danças ou em alguma pose que consideres original e juntes na descrição #DanceSelfie. O local não tem grande importância, assim como a roupa; o importante, diz a organização, é mostrares orgulhosamente ao mundo que és um bailarino.

Este dia das selfies dos bailarinos foi criado pela Dance Proms, um evento a ocorrer a 2 de novembro no Royal Albert Hall, em Londres, onde estarão reunidos Imperial Society of Teachers of Dancing (ISTD),  International Dance Teachers’ Association (IDTA) e  Royal Academy of Dance (RAD), com o objetivo de celebrar a dança e a criatividade nesta arte.

A selfie mais original pode ainda ganhar dois bilhetes para o Dance Proms e brindes oferecidos pela Capezio, uma das marcas de material de dança mais conhecida do mundo.

O Espalha-Factos não ficou indiferente a este desafio e amanha irá partilhar algumas das melhores selfies dos bailarinos. Fica atento!

Fotografia retirada da página de Facebook Ballerina Project.