Foi no passado fim de semana de 11 e 12 de outubro que se realizou o VidYou Festival – Encontro de Youtubers na cidade do Porto. Na semana passada, tivemos a oportunidade de falar com os organizadores, numa entrevista que podes ler aqui. O Espalha-Factos teve a oportunidade de estar presente durante o primeiro dia do evento e conta-te tudo o que se passou.

Antes do início, com AnnyIsCandy e Lucas Viegas

O encontro teve lugar no Hard Club Porto, num local bem central da Invicta. Junto ao Palácio da Bolsa, com vista para o rio Douro, foi à porta deste espaço, que ocupa o Mercado Ferreira Borges, que encontrámos ainda antes do início do evento BárbaraCarolina e Susana, três amigas que vieram de Gondomar para participar no evento. Quando questionadas sobre as espetativas sobre o evento, Bárbara foi direta: “Esperamos muita diversão. Queremos conhecer as pessoas por detrás da câmara. Gostávamos de falar com eles e trocar experiências”.

VidYou Festival – Encontro de Youtubers

Ficámos também a conhecer alguns dos seus youtubers favoritos. Susana segue duas áreas principais: “media e beleza. Os meus YT nacionais favoritos são o Lucas Viegas (ThatGuyWhoKillsHD), o Sake [Miguel Pessanha, (fhorsaken)],  o Miguel Luz (MiguelLuzProductions) e a  Inês Mocho.  Internacionalmente, gosto da brasileira Camila Coelho e da Sofia Ribeiro.”  Bárbara fala-nos ainda do fenómeno dos youtubers lusodescendentes ou portugueses no estrangeiro, como é o caso de Raphael Gomes. “Ele consegue viver disso [fazer vídeos no YouTube]; é um sonho para qualquer youtuber”, remata.

VidYou

Antes do evento tivemos também a oportunidade de falar com alguns youtubers convidados que já estavam no local. Foi o caso de Carolina Freitas (AnnyIsCandy), que nos disse que as suas espetativas estavam “relativamente altas porque já têm havido vários encontros com youtubers e fãs, mas nunca tinha havido um evento com estas dimensões, a uma escala tão grande. E portanto estou à espera que venham muitas pessoas e que nos divirtamos muito”. Sobre o impacto do evento, Carolina afirma que o evento poderá ajudar a divulgar os youtubers: “Acho que pode trazer-nos a todos mais destaque”. Considera também que o evento poderá trazer diversas oportunidades, “até ao nível de trabalho”.

Quando questionada sobre o facto de não haver muitas raparigas youtubers em Portugal, Carolina foi peremptória: “O que eu acho é que como a maioria do público é feminino, acho procuram mais ver rapazes do que raparigas. Mas também depende muito do conteúdo! É possível para uma rapariga ter o mesmo número de seguidores que um rapaz, até porque no Brasil há uma rapariga com 3 milhões de subscritores [Kéfera  (5incominutos)]. Portanto, também é possível, só que é preciso um bocadinho mais de trabalho”. Finalmente, quando questionada sobre os youtubers de que gosta e que a influenciam, Carolina falou-nos novamente de Kéfera e, no domínio nacional, referiu Diogo Sena (que entrevistámos mais tarde), mas que, acima de tudo, gosta de “ver vídeos com piada”. “É muito diferente daquilo que eu faço, é mais parecido com o que faz a Kéfera“, conclui.

Carolina Freitas (AnnyIsCandy) a assinar autógrafos. Foto: Susana Luzir Freestyle-spirit.com

Já depois do almoço, mas ainda antes do evento começar, falámos ainda com o Lucas Viegas . Questionado sobre as suas espetativas, Lucas disse-nos que esperava “encontrar aqui muitos fãs”. “É um evento novo cá em Portugal, em que vale a pena investir. Espero conhecer muitas pessoas e estar com outros youtubers de todo o país”, refere. Sobre as possibilidades que VidYou traz aos youtubers nacionais, Lucas diz que estar em contacto com youtubers de diferentes partes do país leva-os a poder  criar novos projetos. Relativamente  a youtubers favoritos ou a inspirações, Lucas diz que “não há nenhum assim que eu siga com que me identifique. Eu faço mais vlogs, sobre notícias bizarras, e não nenhum youtuber com que me identifique, nem grande, nem pequeno”.

O pontapé de saída do VidYou

Pouco depois de falarmos com Lucas Viegas, deu-se o início do VidYou. O evento de abertura foi apresentado por João Paulo Sousa, apresentador do Curto-Circuito, programa da SIC Radical. João Paulo Sousa esteve como apresentador de serviço durante todo o evento e foi ele quem moderou as diversas conversas que tiveram lugar ao longo do dia.

A primeira foi sobre paródias, na qual falaram Miguel Luz, Diogo Sena, Lucas Viegas e Joel Rodrigues (joelsilvarodrigues). Falou-se sobre diversos vídeos, como o Sporting That I Used To Know do Sena,   O País está muito mal do Lucas, Não tenho IPhone do Joel ou  Demasiado Leite nos Cereais do Luz .

A conversa sobre vídeos de paródias a decorrer. Foto: Susana Luzir Freestyle-spirit.com

Antes desta primeira mesa redonda, o público já tinha tido oportunidade de conviver com todos os youtubers, pois até os retardatários já tinham chegado. Agendadas estavam já sessões de autógrafos e de fotografias, que estiveram sempre bastante concorridas. Havia ainda um stand de demonstração de OCULUS RIFT, como prometido pela organização. Foi nesta altura que falámos com Cristiana, LuísMiguelInês, quatro amigos vindos da Póvoa do Varzim. Cristina estava à espera que o evento fosse “espetacular, que rebente tudo, mesmo!”Luís  contou-nos que já tinha ido a alguns eventos do género e que “acima de tudo o convívio com as pessoas vale a pena”. Para este grupo, alguns dos seus youtubers favoritos são Miguel Luz Tomás Neto (a.k.a. PakiImThePakistanMan), Bruno Leça (Nurb), Fábio Lopes (niggaconguito) ou Paulo Borges (wuant).

Música e conversa com o Kiko

À conversa sobre paródias, seguiu-se um stand-up de Bruno Matias (BrunoMatiasTV), seguindo-se um debate sobre canais de YouTube de música. Pedro Gonçalves (Pedro Gonçalves Music), Diogo Piçarra, Paulo Sousa (PauloSousaYT) e  Tiago Braga foram os youtubers escolhidos para falarem sobre o tema dos canais dedicados à música. Num ambiente animado, falaram das suas experiências. Paulo explicou como utilizar uma plataforma como o YouTube lhe permite ter feedback dos fãs e que tem em conta essas opiniões quando está em palco a atuar. Já Tiago  falou de como uma produtora italiana o encontrou na web  e juntos gravaram o seu primeiro single de originais Still In Love With You.  Pedro contou que era fã de Glee e que isso o levou a começar o seu próprio canal do YouTube. Revelou também que o primeiro vídeo de uma cover em português a que assistira era do Tiago. Houve ainda lugar para diversas performances musicais ao longo do dia.

 

 O evento decorreu no Hard Club, Porto  Foto: Susana Luzir Freestyle-spirit.com

Depois da música, veio o humor, que se iniciou com um stand-up de Miguel Luz. Foi nesta altura que tivemos a oportunidade de falar com Francisco Soares (a.k.a. Kiko, KikoisHot). Sobre o evento, Francisco disse que a experiência estava a ser ótima, “porque apesar do evento ser grande, com cerca de 400 pessoas e bilhetes esgotados, continua a ser pequeno o suficiente para conseguir dar atenção a toda a gente. E é ótimo estar fora de Lisboa. Eu vivo em Lisboa e vir aqui ao Porto e receber este amor todo é fantástico. Tem sido ótimo, o evento está muito bem organizado, parabéns ao [Bruno] Leitão“.

Vidyou

Relativamente ao impacto do evento, Francisco crê que “é importante ter eventos destes, até para o público em geral ver o YouTube de um prisma diferente. Acho também muito importante esta conexão com as pessoas que nos vêem, sermos alcançáveis, não sermos só alguém que está no computador”. Quando lhe perguntámos sobre os seus youtubers favoritos, Francisco referiu Shane DawsonJennaMarblesTyler OakleyJoeyGraceffa ou Grace Helbig.

Finalmente, quando questionado sobre o facto de os seus vídeos receberem imenso ódio nos comentários, Francisco disse pensar que se trata de uma evolução. “já está muito melhor do que foi, já ouvi muito mais do que ouço hoje em dia. Não me importo de fazer eu esta batalha, porque sei que é importante que existam pessoas como eu,é importante que existam pessoas diferentes para que as pessoas percebam que não é o exterior, é interior que conta, ainda que isto possa soar um bocado cliché, mas é verdade. Eu tento que isto não me defina, tento não ser categorizado, não ser ‘O Estranho’. As pessoas que odeiam baseiam esse ódio em estereótipos, em preconceitos que têm. Sei que ao ser eu quem recebe esses comentários estou a ajudar pessoas que se sentem como eu a vir para a frente e dar a cara. É claro que nem sempre é fácil estar a receber aqueles comentários, mas eu sei que a longo termo é importante. Tento que isso não me afete demasiado, continuo a fazer as coisas normalmente. Tenho tentado ter um humor abrangente, tenho feito essa evolução e já ouvi pessoas dizer: “Não gostava de ti ao início mas agora gosto”. É este processo de abrir mentes que é importante”.

Humor e Diogo Sena

De seguida, houve uma mesa redonda subordinada ao humor, com Ana Correia (Peperan), Bruno Pinho, Miguel Pessanha e Ricardo Cardoso. Entre muitas piadas e gozo entre eles e até mesmo com o apresentador, Bruno Pinho afirmou que fazer “Humor em Portugal é difícil, há muito criticismo”. Já Miguel Pessanha  foi considerado por todos como o ‘Tio do YouTube’ em Portugal, por ter começado a fazer vídeos há mais de oito anos, o primeiro no género de humor.

vidyou

Ricardo Cardoso afirmou que se inspira nos apanhados estrangeiros para fazer os seus vídeos (como a Brigada Anti-Swag ou o Dealer das gomas) e considera que não há uma tradição de apanhados de qualidade em Portugal. No entanto, já fez outros tipos de humor, como o seu primeiro vídeo, uma paródia musical a criticar a política portuguesa. Ana também falou sobre os diferentes tipos de humor, mas disse que prefere ser polivalente e trabalhar em vários formatos diferentes de humor. “Quero fazer o que me apetece em termos de estilos de vídeos”, afirmou.

Com o evento quase a terminar, falámos ainda com Diogo Sena, que vinha de quase duas horas a assinar autógrafos. Sobre o evento, Diogo disse que estava a adorar e elogiou a organização: “Esta iniciativa é um bom passo para se criarem mais atividades destas. Permite às pessoas encontrarem-nos, em vez de ser só quando se cruzam na rua connosco e tiramos uma foto”. Quanto a youtubers favoritos ou inspiradores, Diogo referiu MysteryGuitarMannigahigachesterseeVsauce e Veritasium.

Diogo Sena durante a sua (longa) sessão de autógrafos. Foto: Susana Luzir Freestyle-spirit.com

Antes do encerramento do primeiro dia do evento, houve mais uma performance musical, desta vez um dueto entre Paulo Sousa e Pedro Gonçalves. No encerramento esteve presente o grupo de dança PraxiStudio, de Esposende. Este grupo insere-se no género Hip-Hop, com variações de Funky Styles.

À saída, ainda tivemos a oportunidade de falar com um grupo de participantes. Carlos, Gonçalo e Nathanaiel vieram acompanhados pela sua mãe, Elisa. Carlos referiu que o evento tinha sido “bastante interativo, estou a gostar. Nunca tinha estado com estas pessoas [youtubers] e acho que foi uma experiência muito boa”. Gonçalo afirmou que estava a “achar fixe, nunca tinha visto youtubers na realidade, só no computador e estou a gostar bastante”Nathanaiel  disse que queria ver o Sake , o Nurb, o Conguito e o Diogo Sena e que já tinha conseguido autógrafos deles. Já Elisa considerou o evento “bastante interessante. Estou a gostar de ver esta juventude toda ligada pelo mesmo motivo. É muito bom ver e aprender com eles o que eles fazem nas redes sociais e como funciona todo o sistema. É uma realidade muito diferente da do meu tempo e eu espero conseguir acompanha-los; por isso é que estou cá hoje”.

Nessa noite realizou-se ainda a Gala de Prémios VidYou.