Sophia 2014: os vencedores

Sophia 2014: os vencedores

Foram entregues esta quarta-feira no Centro Cultural de Belém os prémios Sophia 2014, os galardões da Academia Portuguesa de Cinema que distinguem o que melhor se fez no último ano cinematográfico português.

Até Amanhã, Camaradas, o mais nomeado de todos os filmes, foi a longa-metragem que mais prémios arrecadou, tendo vencido quatro Sophias nas categorias de Melhor Realizador (Joaquim Leitão), Melhor Ator Secundário (Adriano Luz), Melhor Som e Melhor Guarda-Roupa. Mas o grande vencedor da noite foi A Última Vez que Vi Macau, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, distinguido como Melhor Filme do ano. A estes prémios juntaram-se ainda o de Melhor Fotografia e Melhor Argumento Original. Comboio Noturno para Lisboa também foi galardoado em três categorias: Melhor Atriz Secundária (Beatriz Batarda), Melhor Direção Artística e Melhor Caracterização.

A cerimónia foi apresentada por Ana Sofia Martins e teve como tema principal a música no cinema, tendo estado presentes alguns músicos nacionais como Gisela João, Pedro Abrunhosa, Noiserv e Sérgio Godinho. Houve também muito glamour e várias caras conhecidas do cinema português marcaram presença no CCB, embora alguns dos vencedores não tenham comparecido. Paulo Trancoso, o presidente da Academia, teve também um pequeno discurso onde destacou os três anos de atividade da instituição e agradeceu aos membros da Academia, aos patrocinadores e àqueles que acreditam no projeto, sem deixar de criticar a RTP por não transmitir o evento este ano depois de se ter comprometido a tal.

O realizador José Fonseca e Costa, o diretor de fotografia Eduardo Serra e ao ator e produtor Henrique Espirito Santo foram ainda homenageados com o Prémio Carreira, juntando-se assim à lista de galardoados dos Sophia 2014.

Em baixo tens todos os vencedores da noite.

  • Melhor Filme: A Última Vez que Vi Macau, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata
  • Melhor Realizador: Joaquim Leitão, Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Ator: Pedro Hestnes, Em Segunda Mão
  • Melhor Atriz: Rita Durão, Em Segunda Mão
  • Melhor Ator Secundário: Adriano Luz, Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Atriz Secundária: Beatriz Batarda, Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Argumento Original: João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, A Última Vez que Vi Macau
  • Melhor Fotografia: A Última Vez que Vi Macau
  • Melhor Direção Artística: Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Som: Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Guarda-Roupa: Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Caracterização: Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Música: Rodrigo Leão, O Frágil Som do Meu Motor
  • Melhor Montagem: É o Amor
  • Melhor Documentário Longa-Metragem: A Batalha de Tabatô, de João Viana
  • Melhor Curta-Metragem de Ficção: Luminita, de André Marques
  • Melhor Curta-Metragem Documental: Lápis Azul, de Rafael Antunes
  • Melhor Curta-Metragem de Animação: Alda, de Ana Cardoso, Luís Catalo, Filipe Fonseca e Liliana Sobreiro
  • Prémio Carreira: José Fonseca e Costa, Henrique Espírito Santo e Eduardo Serra

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Lúcia Moniz no FC 1997
Festival da Canção. Lúcia Moniz celebra 25 anos de ‘O Meu Coração Não Tem Cor’ na segunda semifinal