Foram entregues esta quarta-feira no Centro Cultural de Belém os prémios Sophia 2014, os galardões da Academia Portuguesa de Cinema que distinguem o que melhor se fez no último ano cinematográfico português.

Até Amanhã, Camaradas, o mais nomeado de todos os filmes, foi a longa-metragem que mais prémios arrecadou, tendo vencido quatro Sophias nas categorias de Melhor Realizador (Joaquim Leitão), Melhor Ator Secundário (Adriano Luz), Melhor Som e Melhor Guarda-Roupa. Mas o grande vencedor da noite foi A Última Vez que Vi Macau, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, distinguido como Melhor Filme do ano. A estes prémios juntaram-se ainda o de Melhor Fotografia e Melhor Argumento Original. Comboio Noturno para Lisboa também foi galardoado em três categorias: Melhor Atriz Secundária (Beatriz Batarda), Melhor Direção Artística e Melhor Caracterização.

A cerimónia foi apresentada por Ana Sofia Martins e teve como tema principal a música no cinema, tendo estado presentes alguns músicos nacionais como Gisela João, Pedro Abrunhosa, Noiserv e Sérgio Godinho. Houve também muito glamour e várias caras conhecidas do cinema português marcaram presença no CCB, embora alguns dos vencedores não tenham comparecido. Paulo Trancoso, o presidente da Academia, teve também um pequeno discurso onde destacou os três anos de atividade da instituição e agradeceu aos membros da Academia, aos patrocinadores e àqueles que acreditam no projeto, sem deixar de criticar a RTP por não transmitir o evento este ano depois de se ter comprometido a tal.

O realizador José Fonseca e Costa, o diretor de fotografia Eduardo Serra e ao ator e produtor Henrique Espirito Santo foram ainda homenageados com o Prémio Carreira, juntando-se assim à lista de galardoados dos Sophia 2014.

Em baixo tens todos os vencedores da noite.

  • Melhor Filme: A Última Vez que Vi Macau, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata
  • Melhor Realizador: Joaquim Leitão, Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Ator: Pedro Hestnes, Em Segunda Mão
  • Melhor Atriz: Rita Durão, Em Segunda Mão
  • Melhor Ator Secundário: Adriano Luz, Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Atriz Secundária: Beatriz Batarda, Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Argumento Original: João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, A Última Vez que Vi Macau
  • Melhor Fotografia: A Última Vez que Vi Macau
  • Melhor Direção Artística: Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Som: Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Guarda-Roupa: Até Amanhã, Camaradas
  • Melhor Caracterização: Comboio Noturno para Lisboa
  • Melhor Música: Rodrigo Leão, O Frágil Som do Meu Motor
  • Melhor Montagem: É o Amor
  • Melhor Documentário Longa-Metragem: A Batalha de Tabatô, de João Viana
  • Melhor Curta-Metragem de Ficção: Luminita, de André Marques
  • Melhor Curta-Metragem Documental: Lápis Azul, de Rafael Antunes
  • Melhor Curta-Metragem de Animação: Alda, de Ana Cardoso, Luís Catalo, Filipe Fonseca e Liliana Sobreiro
  • Prémio Carreira: José Fonseca e Costa, Henrique Espírito Santo e Eduardo Serra