Em 2008, a fotógrafa russa Irina Popova deu de caras com Lilya nas ruas de São Petersburgo, uma mulher embriagada que carregava Asfina, sua filha. A artista russa teve acesso à residência e ao ambiente familiar desta mãe e do respectivo marido, Pasha, percebendo rapidamente que ambos eram toxicodependentes.

Assim nasceu Another Family, um livro acompanhado de uma série fotográfica, que retrata a vida da pequena Asfina, obrigada a crescer no meio do caos, de festas e de drogas. As fotografias são de uma nudez cruel e chocante. O objectivo do ensaio é estudar e apelar ao sentimento humano.

As fotos podem ser visualizadas na galeria em baixo.