De acordo com um estudo TGI da Marktest, mais de um terço dos portugueses prefere gravar os seus programas de televisão preferidos para ver mais tarde. Estes dados correspondem a 3,168 mil indivíduos na segunda vaga de 2014, o que representa 37% dos residentes de Portugal a partir dos 15 anos. Este valor tem crescido consideravelmente desde 2011, onde os números eram de apenas 25,8%, ou seja, um quinto do terço da população durante 3 anos.

O estudo confirma que os espectadores que mais recorrem a este sistema são sobretudo os mais jovens, residentes na Grande Lisboa e os indivíduos de classes mais elevadas.

 grafico tv

Os dados e análises apresentados fazem parte do estudo TGI, propriedade intelectual da Kantar Media, e do qual a Marktest detém a licença de exploração em Portugal. Este é apenas um único estudo que recolhe informação para 17 grandes sectores de mercado, 280 categorias de produtos e serviços e mais de 3000 marcas, o que proporciona um conhecimento mais aprofundado sobre os portugueses e os seus consumos, marcas, hobbies, lifestyle e consumo de meios.